Rhl

INFO
STADISTICS
RECORDS
Title of test:
Rhl

Description:
Relações Humanas e Liderança

Author:
AVATAR

Creation Date:
09/03/2018

Category:
Others
Click 'LIKE' to follow the bests test of daypo at facebook
Last comments
No comments about this test.
Content:
Seres humanos que a mais tenra idade foram privados do convívio com outros homens e assim cresceram isolados ou em contato apenas com animais, recebem a denominação de: Primitivos Homens Isolados Feras Homens-Fera.
A personalidade se estrutura através da: Rede Social Vida Social Viagens Ambiente.
É um conjunto característico de reações e de modos de ser de cada indivíduo, decorrente da herança biológica e da ação ambiental: Cultura Caráter Personalidade Inteligência.
Quais das opções abaixo se constrói a Tipologia da Personalidade: Somatotipo, Temperamento Temperamento, Caráter e Inteligência Somatotipo, Temperamento, Caráter, Inteligência e Cultura Caráter, Inteligência e Cultura.
Composição física do indivíduo: Caráter Temperamento Inteligência Somatotipo.
Suas predominâncias são vísceras e tecidos adiposo e sua tendência é a obesidade: Endomorfo Mesomorfo Ectomorfo Hexomorfo.
Suas predominâncias são pele e órgãos sensoriais e sua tendência é a magreza: Endomorfo Mesomorfo Ectomorfo Hexomorfo.
Suas predominâncias são tecidos musculares e sua tendência é a atlética: Endomorfo Mesomorfo Ectomorfo Hexomorfo.
É a capacidade de estabelecer relações com o mundo exterior: Cultura Caráter Inteligência Temperamento.
Capacidade de estabelecer relações positivas com as pessoas que os cercam: Timidez Introversão Extroversão Ousado.
Fecha-se sobre si mesmo, vive forte e intensa vida interior: Timidez Introversão Extroversão Ousado.
É o aspecto de cunho adquirido, dependente das condições ambientais em que se desenvolve o indivíduo. É a parte mais externa e visível da personalidade: Cultura Caráter Inteligência Temperamento.
É a capacidade de resolver problemas e de ajustamento a novas situações: Caráter Cultura Inteligência Temperamento.
É o conjunto de técnica, habilidades e conhecimentos que uma pessoa domina: Cultura Cultura Única Cultura Especializada Inteligência.
É o modo de vida característico de um povo em determinado tempo, época e área: Cultura Cultura Única Cultura Especializada Inteligência.
É a que não sofre e nem faz sofrer sem justa causa; reage adequadamente a situação, quer quanto ao tipo de reação quer quanto a sua intensidade: Demência Astênica Personalidade Desajustada Personalidade Ajustada ou Normal.
Tem um desequilíbrio personalístico, isto é: uma anormalidade psíquica ou pequenas alterações, mais não são afastadas do convívio social: Personalidade Ajustada Personalidade Desajustada Astênica Demência.
Os tipos de personalidades psicopáticas graves como debilidade mental, imbecilidade, idiotia, demência, neurose e psicose são do interesse apenas do: Psiquiatras Médicos Psicólogos Escritores.
Tem reduzida energia psíquica; preferem situações em que seja necessário um mínimo esforço, sendo incapazes de completar qualquer tarefa que exija continuidade: Compulsiva Histérica Astênica Instável.
Deixam tudo o que tem que fazer para última hora e ai se lançam freneticamente ao trabalho, só o largando quando todas as tarefas estão fiel e meticulosamente cumpridas: Paranoide Instável Explosiva Compulsiva.
Encontra-se em indivíduo violentos, de reações bruscas, facilmente irritáveis, mas tendendo a expressar essa irritabilidade pelas vias motoras: Instável Explosiva Histérica Cicloide.
É característica de pessoas inquietas, que não consegue se fixar em coisa alguma. É mais comum nas mulheres e as vezes vem acompanhada de certos traços de infantilismo orgânico: Instável Histérica Explosiva Paranóide.
Essas pessoas caracterizam-se essencialmente por: Acentuada tendência a sonharem acordadas e casos de dupla personalidade: Instável Explosiva Histérica Cicloide.
Individuo que tem maior predominância de alegria ou tristeza: Cicloide Instável Histérica Paranoide.
São altamente sociáveis, tende ao alcoolismo e vício sexuais: Cicloide Cético Hipomaníaco Perversa.
Trata-se da personalidade psicopática das que mais perturbam a vida em comum: Perversa Cético Hipomaníaco Paranoide.
São desprovidos do senso moral, apresentando uma perturbação psíquica relacionado com o juízo ético e são incapazes de sentir simpatia ou compaixão pelo seu semelhante: Perversa Cético Hipomaníaco Paranoide.
Apresenta traços temperamentais do esquizotímico (normal), com desproporcionalidade mais acentuada. Tem reações inesperadas e incompreensíveis, e vive em um mundo próprio a margem da realidade: Esquizoide Hipocondríaca Cicloide Paranoide.
Preocupação exagerada com a saúde, acerca de medicamentos e sente dores imaginarias e psicológicas: Esquizoide Hipocondríaca Cicloide Paranoide.
Toda conduta ou reação (R) pressupõe um estímulo (S). Se este provem do próprio ser, se é uma necessidade orgânica ou psíquica que leva a reação, diz ser: Percepção Incentivação Estimulo Interno ou Motivação Estimulo Externo ou Motivação.
Toda conduta ou reação (R) pressupõe um estimulo (S). Se o estímulo parte do meio físico ou social, diz ser: Percepção Estimulo Externo ou Incentivo Estimulo Interno ou Incentivo Motivação.
Existem dois tipos de estímulos. São eles: Falso e Verdadeiro Primeiro e Segundo Positivo e Negativo Negativo e Falso.
As vezes, o insucesso numa primeira experiência de vida motiva fortemente o indivíduo a compensar a deficiência, levando-o a se comportar de modo a atingir altos objetivos. Isso quer dizer que estímulos negativos também podem ser motivadores. É o que chamamos de: Lei da Superação Lei da Imitação Lei da Motivação Lei do Estimulo.
O ato de perceber os estímulos chama-se: Seletividade Generalização Inteligencia Percepção.
Selecionamos os estímulos que nos interessa perceber e nos desligamos dos que não interessam. A esta capacidade chamamos de: Perceptividade Seletividade Inteligencia Seleção.
Os preconceitos, os costumes, as emoções, as experiências passadas podem prejudicar a: Perceptividade Seletividade Percepção Seleção.
Um dos fatores que mais atrapalha o relacionamento no trabalho é o: Percepção Seletivo Preconceito Generalização.
Os preconceitos, os costumes, as emoções, as experiências passadas podem prejudicar a Percepção. Outro aspecto que pode prejudicar a percepção é a: Generalização Especialização Afeição Individualidade.
É um grupo temporário, constituído de numerosas pessoas, próximas uma das outras, e que apresentam grau elevado de tensão emocional, em face de uma situação de interesse comum: Multidão Casuais Multidão Convencionais Mobs Multidão.
Quando uma multidão se enfurece e passa a agir violentamente, depredando bens materiais ou linchando pessoas, transforma-se em: Mobs Multidão Casuais Multidão Multidão Convencionais.
São aquelas cujo comportamento tem pequena carga efetiva, resultam do aparecimento de algo que chame momentaneamente a atenção, sem provocar fortes reações: Mobs Multidão Convencionais Multidão Casuais Multidão Expressiva.
Qual o tipo de multidão que ocorrem sempre em um período e data marcada: Mobs Multidão Convencionais Multidão Casuais Multidão Expressiva.
Em que as tensões emocionais se descarregam em atos inofensivos: MOBS Multidão Convencionais Multidão Casuais Multidão Expressiva.
Três fatos concorrem para que a conduta dos homens, envolvidos em um motim, se afaste da que apresenta em situações normais. São elas, exceto: Sentimento de anonimato Interação intensa Aumento de inibições Diminuição de inibições.
É um processo recíproco de dar e receber: Especialização Integração Socialização Generalização.
As atitudes positivas ou negativas dos membros de um grupo para com o recém chegado constituem a ______________ dessas pessoas em relação ao novo componente: Antecipação Social Antecipação Moral Seletividade Percepção.
O estudo do fator humano na organização podem ser dividido em três partes principais, exceto: Adaptação do homem ao trabalho (Homem certo no lugar certo) Adaptação do trabalho ao homem (Ambiente, Maquinas, Instalações) Adaptação do homem ao homem (Confiança, Cordialidade, Harmonia) Adaptação da maquina ao homem (Ambiente, Maquinas, Instalações).
Este fato pode provocar desequilíbrio prejudicial a vida do grupo: Clima Social Distancia Social Chegada de novo membro no grupo Saída de um membro do grupo.
Duas pessoas, as vezes, que trabalham na mesma sala ou no mesmo andar, apesar de estarem muito perto uma da outra, tem raros contatos. O que caracteriza essa situação: Distancia Pessoal Distancia Comportamental Distancia Profissional Distancia Social.
É a situação provocada pela presença de um obstáculo no caminho da realização de um desejo: Coragem Frustração Insegurança Incentivo.
O líder, quando nota que no seu grupo surgiu um problema que pode afetar ou que já afetou as boas relações entre os membros do grupo, reune-o em: Discursões Psicodrama Mesa Redonda Conversas e Diálogos.
Em certos casos de grandes crises, ou para preveni-las dentro das equipes de trabalho, é utilizado uma técnica provinda da psicoterapia. Como se chama: Psicodrama Psicossocialismo Dramaturgia Mesa Redonda.
É o processo de influenciar pessoas para motivá-las e obter seu comprometimento na realização de empreendimento e na consecução dos objetivos da organização: Líder Indivíduo Liderança Liderar.
É a pessoa que, investida ou não da função de mando, detém a arte de se destacar (proeminência) e influenciar a conduta humana, conseguindo obediência voluntaria, respeito e leal cooperação: Líder Grupo Liderança Liderar.
A teoria situacional da liderança envolve quatro elementos. Quais dos elementos abaixo não faz parte: As estruturas das relações pessoais do grupo As características do grupo As características do meio em que o grupo vive e de onde seus membros saem As condições físicas e as suas tarefas com as quais o grupo de confronta.
Podemos classificar a liderança em dois ESTILOS, quais são: Democrático e Autocrático Democrático e Liberal Autocrático e Liberal Pessoal (pequenos grupos) e de organização (grandes grupos).
É aquela exercida diretamente, face a face. Exemplo: Sargento em relação aos cabos e marinheiros: Liderança Militar Liderança de Organização Liderança Situacional Liderança Pessoal (pequenos grupos).
É aquela exercida através de uma organização. Exemplo: Comandante da Marinha em relação aos Comandantes das OM: Liderança Militar Liderança de Organização Liderança Situacional Liderança Pessoal.
Nos dois estilos de liderança, são fatores predisponentes: Autoridade Moral e Autoridade de Liderança Autoridade Organizacional e Autoridade de Grupos Autoridade Organizacional e Autoridade Moral Autoridade Organizacional, Autoridade Moral e Competência.
Consiste no direito legal e funcional de exercer o mando: Autoridade Organizacional Autoridade Moral Autoridade Situacional Competência.
Deriva do comportamento do líder e da comunhão entre eles e os seguidores no que diz respeito a valores, crenças, ideias, formação, objetivos e metas: Autoridade Organizacional Autoridade Moral Autoridade Situacional Competência.
Indispensável para estabelecer ascendência do líder sobre seus seguidores, sendo fundamental para conquistar a confiança dos liderados: Autoridade Organizacional Autoridade Moral Autoridade Situacional Competência.
São métodos de liderança, exceto: Autocrática Laissez-faire (liberal) Democrática Liderança Pessoal ou Liderança Organizacional.
Neste método de liderança, o líder é o centro do grupo. Não estabelece os objetivos com o grupo. É o tipo de liderança que mais se aproxima de chefia: Liderança Democrática Liderança Liberal (laissez-faire) Liderança Autocrática Liderança Militar.
Neste método de liderança, o indivíduo é o centro livre do grupo: Liderança Liberal (laissez-faire) Liderança Democrática Liderança Autocrática Liderança Militar.
Neste método de liderança, implica a cooperação e participação de todos no estabelecimento e na consecução dos objetivos do grupo: Liderança Liberal Liderança Autocrática Liderança Democrática Liderança Militar.
As qualidades do líder poderiam ser agrupadas quanto a sua "ESPÉCIE", da seguinte forma: Físicas, Intelectuais, Habilidade Técnicas, Morais e Éticas. Quais destas é a mais importante: Físicas Intelectuais Habilidade Técnica Morais e Éticas.
São os fatores indispensáveis para caracterizar um líder: Capacidade para decidir Capacidade para convencer Capacidade de influencia e proeminência Exemplo.
O líder deve ter fé e acreditar, mais do que ninguém, que a sua missão vale a pena e, assim, transformar nos seus liderados a dúvida em confiança. Essa afirmação se refere a qual qualidade moral e ética: Capacidade para decidir Capacidade para convencer Capacidade de influencia Capacidade de proeminência .
Nada mais é do que o poder de decisão. Substituir indecisão por decisão, galvanizar a diferença e transformar dúvida em ação. Capacidade para decidir Capacidade para convencer Capacidade de proeminência Exemplo.
Para decidir, o líder aprende a raciocinar através de um processo constituído por seis elementos: Reconhecimento, Estudos, Classificação, Hipótese, Colaboração e Aceitação da Hipótese Reconhecimento, Acumulação, Classificação, Hipótese, Colaboração e Aceitação da Hipótese Reconhecimento, Estudos, Classificação, Hipótese, Colaboração e Aceitação Reconhecimento, Acumulação, Classificação, Hipótese, Colaboração e Aceitação.
O _________ constitui a qualidade mais importante, mais eficaz: Exemplo Espírito de Corpo Líder Reconhecimento.
Constitui um forte apelo de alegria no trabalho, uma convicção irradiante e comunicativa: Energia, Saúde e Vigor Confiança, Convicção e Fé Lealdade Entusiasmo.
Constituindo-se na ausência do medo ou poder sobre aquele, é a resistência desenvolvida a fuga nas emergências ou dificuldades: Coragem Confiança Honra Lealdade.
Constitui o desprezo que se sente pelo que não se conhece e pode significar a invalidez ou morte: Coragem Moral Coragem Física Coragem Espiritual Coragem Intelectual.
É a coragem relacionada aos atos, convicções, responsabilidades e destemor pela crítica leviana e inconsistente: Coragem Moral Coragem Física Coragem Espiritual Coragem Intelectual.
Constitui o sentimento que nos induz ao exercício da moral do bem e da justiça. A pessoa passa a ser lembrada pelo brio e valor que lhes são característicos: Confiança, convicção e fé Lealdade Honra, amor próprio e dignidade Caráter e honestidade.
Constitui um conjunto de qualidades que destacam uma pessoa da outra do ponto de vista mental e moral; É o aspecto ético psicológico da personalidade: Lealdade Sinceridade Caráter, honestidade Honda, dignidade.
Constitui a virtude de disciplinar a si próprio sem que haja necessidade de controle de outrem: Autocorreção Autodisciplina Autocontrole Autocritica.
Aprende a custa dos seus erros e quando assim o fizer, cada erro significará uma lição para si próprio: Autocorreção Autodisciplina Autocontrole Autocritica.
Constitui a habilidade mental para aprender as coisas, perceber as semelhanças, contrastes e relações, deduzir e tirar conclusões: Inteligência Intelectual Pensamento Conhecimento.
É a pessoa formalmente investida da função de mando na escala hierárquica: Líder Chefe Xerife Comandante.
É a pessoa que investida ou não da função de mando, detém a arte de se destacar (proeminência) e influenciar a conduta humana, conseguindo obediência voluntária, respeito e leal cooperação: Líder Chefe Xerife Comandantes.
É a ordenação da autoridade em níveis diferentes, dentro da estrutura das Forças Armadas. A ordenação faz-se pela antiguidade no posto ou graduação: Responsabilidade Autoridade Disciplina Hierarquia.
É a rigorosa observância e o acatamento integral das leis, regulamentos, normas e disposições que fundamentam o organismo militar e coordenam seu funcionamento regular e harmônico, traduzindo-se pelo perfeito comprimento do dever por parte de todos e de cada um dos componentes desse organismo: Responsabilidade Autoridade Disciplina Hierarquia.
Constitui um sinal exterior de autodisciplina: Continência Respeito Afeição ao próximo Cordialidade.
É o direito legal de se fazer obedecer; é o poder de mandar ou de obrigar alguém a fazer alguma coisa: Responsabilidade Autoridade Disciplina Hierarquia.
É a obrigação, o deve de fazer: Responsabilidade Autoridade Disciplina Hierarquia.
São laços ou vínculos especiais que envolvem os componentes de um grupo, os subordinados, chefes, mais antigos e organização: Disciplina Hierarquia Espírito de Corpo Cooperação.
A ordem unida, o uso da continência e sinais de respeito, as formaturas e cerimonial são todos meios de fortalecer a ______________ e constituem manifestações que, exteriorizadas, denotam e revelam a disciplina regulamentada em dispositivos preestabelecidos: Moral Hierarquia Disciplina Honra.
Estritamente relacionado com a liderança, existem dois preceitos que deverão ser cultuados pelo líder na condução de um grupo em toda e qualquer organização militar: Honra e Moral Hierarquia e Disciplina Autocontrole e Autocritica Valor Militar e Ética Militar.
É a conduta moral ilibada que esta classe impõe aos seus membros. O sentimento do dever, o pundonor militar e o decoro da classe tornam indispensáveis a cada um dos integrantes das Forças Armadas uma conduta moral e profissional irrepreensível: Liderança Militar Ética militar Honra Valor Militar.
É um sistema de normas, princípios, valores e regras de conduta segundo o qual são regulamentadas as relações mutuas entre os indivíduos ou entre este e a sociedade: Liderança Militar Ética militar Moral Valor Militar.
A formação do moral regulam o comportamento individual e social do militar. São apresentados em dois planos. São eles: Moral e Honra Ética e Valor militar Hierarquia e Disciplina Normativo e Fatual.
É o plano que regulamenta o comportamento individual e social militar que é constituído pelas normas ou regras de ação e pelo imperativos que enunciam algo que deve ser seguido. Exemplo: Não mentir, não praticar injustiças e etc: Honra Normativo Fatual Lealdade.
É o plano que regulamenta o comportamento individual e social militar que é constituido pelos atos dos militares que se realizam independentemente de como pensam e agem. Exemplo: Ato de solidariedade, fazer cumprir a lei e etc: Honra Normativo Fatual Cordialidade.
É a qualidade inerente ao militar que objetiva distingui-lo do homem comum em sociedade: Valor Militar Ética Militar Atitude Liderança Militar.
É a maneira de proceder, agir, comportar-se ou de reagir a determinada situação, pessoa ou objeto, segundo um estimulo súbito e inesperado, instintivo do ser humano: Valor Militar Ética Militar Atitude Liderança Militar.
É o recurso que a hierarquia lança mão para que os lideres possam estender sua influencia além dos seus limites de tempo, energia e reconhecimento pessoais: Delegar Delegação Delegação de Autoridade Delegação de Competência .
É a função do líder de transferir aos subordinados certos deveres, certas responsabilidades, certas autoridade: Delegação Delegar Delegação de Autoridade Delegação de Competência .
Ocorre quando o líder transfere para seus subordinados a obrigação de responder pelo cargo que ocupa, sem perder suas responsabilidades e sua autoridade: Delegar Delegação Delegação de Autoridade Delegação de Competência .
Ocorre quando o líder transfere para seus subordinados a sua aptidão e a sua capacidade para decidir em certas situações: Delegação de Autoridade Delegação de Competência Delegação de Responsabilidade Delegação.
O líder delega porque sua responsabilidade é sempre muito maior do que a capacidade individual de carrega-la: Delegação Delegação de Competência Delegação de Autoridade Delegação de Responsabilidade.
Quais das opções abaixo não é uma vantagem da delegação: Aliviar a pressão de trabalho sobre o líder Formar assistentes capazes de agir por conta própria nas emergências Estimular ao subordinado assumir maior responsabilidade Prover casos em que o líder tenha que ausentar-se.
Significa não quebrar a cadeia de comando, usando a ponte administrativa: O líder deve usar canais competentes Disciplina Hierarquia O líder deve usar qualquer canal.
Constitui em verificar se a ordem foi de fato cumprida de forma correta e eficiente, e corrigir, se necessário: O líder deve verificar o cumprimento das ordens Dar o pronto O líder deve verificar o cumprimento das fainas O líder deve verificar o pronto das ordens.
Constitui a ordem "Direta ou de Comando" - faça isto ou aquilo". É uma declaração positiva e curta: Ordem Direta Ordem de Comando Ordem Indireta Ordem Especial.
Tem como finalidade corrigir, ensinar e instruir: Repreensão ou Censura Repreensão ou Aperto Repreensão ou Correção Corrigir ou Instruir.
Traduzem um apreço pelas ações dos subordinados, indiretamente um apreço pelas pessoas: Engrandecimento Elogio e Louvor Felicitações Apreço e Elogio.
Para se conseguir um trabalho de equipe é necessário, exceto: Dar o trabalho adequado Dar o trabalho inferior a capacidade Dar o trabalho exequível Não dar trabalho de mais ou de menos.
É utilizada apenas em ultimas instâncias. Aperto Punição ou Repressão Repreensão ou Parte Punição ou Aperto.
Constitui um método de verificação, de medida e um exame periódico da saúde do processo: Verificação Pesquisa Medição Inspeção.
De acordo com o processo de influenciação, chamar ao interesse dando estímulos positivos através do incentivo: Motivação Exortação Sugestão Persuasão.
De acordo com o processo de influenciação, chamar a memória, ao habito: Motivação Afirmação e Repetição Exortação Exemplo.
De acordo com o processo de influenciação, Chama a inteligência: Exemplo Exortação Sugestão Persuasão.
De acordo com o processo de influenciação, chamar o liderado a imitação deve ser um paradigma: Exortação Sugestão Persuasão Exemplo.
De acordo com o processo de influenciação, chamar ao sentimento, tocar no intimo do indivíduo: Persuasão Exortação Prestigio Exemplo.
De acordo com o processo de influenciação, chamar a razão; levar o liderado ao raciocínio lógico: Sugestão Exortação Prestigio Persuasão.
De acordo com o processo de influenciação, chama a afeição. Usar a consideração que os liderados tem pelo líder: Exortação Prestigio Exemplo Exortação.
Report abuse Terms of use
We use cookies to personalize your experience. If you continue browsing you will be accepting its use. More information.