Aerodinamica

INFO
STADISTICS
RECORDS
Title of test:
Aerodinamica

Description:
simulado 2

Author:
AVATAR

Creation Date:
01/10/2019

Category:
Others
Click 'LIKE' to follow the bests test of daypo at facebook
Last comments
No comments about this test.
Content:
O conjunto formado pelos estabilizadores, leme e profundor é chamado de: Asa Diedro Empenagem spoiler .
Superfície usada para reduzir a velocidade do avião em voo: Spoiler Aileron Speed breake Profundor.
Dispositivo para proteger o radar no nariz do avião: Canopy Radome Winglet Pitot.
Superfície projetada para reduzir o arrasto induzido: Wing fence Speed break Winglet Compensador.
Ângulo formado pelo plano da asa e o eixo lateral: Diedro Enflechamento Ataque Incidência.
São superfícies primárias Compensadores e ailerons Ailerons, leme e speed breake Ailerons, leme e profundor Slots, flap e profundor.
Superfície que comanda a inclinação do avião: leme profundor flaps ailerons.
são superfícies hipersustentadoras: slots e ailerons flaps, slots e slats compensadores winglets e flapes.
Fenda localizada no bordo de ataque da asa próxima a ponta: Flap Speed breake Compensador Slots.
São superfícies secundárias: Ailerons, leme e flaps Compensadores Plaps, spoilers e leme Slates e slots.
Superfície que comanda a guinada do avião: Leme Profundor Ailerons Flap.
O movimento em torno do eixo lateral é chamada de: Arfagem Guinada Inclinação Bancagem.
Ângulo formado pela corda do aerofólio e o vento relativo; Incidência Atitude Ataque Diedro.
Ângulo formado pela corda e o eixo longitudinal do avião: Enflexamento Ataque Incidência atitude .
A turbulência que ocorre na ponta das asas, principalmente nos pousos e decolagens quando a velocidade da aeronave é menor, é chamado de: arrasto parasita arrasto de superfície arrasto induzido arrasto incidente.
Flaps que aumentam a área de asa e a sustentação: Simples Fendado Ventral Fowler.
Ângulo formado pela asa que proporciona o equilíbrio lateral do avião: Ataque Incidência Crítico Diedro.
É a distância entre as pontas das asas: Eixo Longitudinal Fuselagem Envergadura Alongamento .
Em voo, os spoilers trabalham em conjunto com a superfície primária chamada: Leme Flaps Ailerons Slats.
São utilizados como freios aerodinâmicos no pouso: Speed breake, slots e flaps Plaps, ailerons e spoilers Speed breake, flaps e ground spoilers Flaps, slats e ground spoilers.
Une o bordo de ataque ao bordo de fuga: Ângulo de ataque Corda Incidência diedro.
Reduz a força requerida para comandar uma superfície de comando: Compensadores e flaps Balanceamento estático e dinâmico Ângulo diedro e enflechamento da asa Superfície secundárias e speed breake.
O balanceamento aerodinâmico: Balanceamento estático e dinâmico É conseguido através da extensão de parte da superfície de comando à frente da linha da dobradiça da superfície Utiliza o fluxo de ar na aeronave para ajudar na movimentação da superfície Todas corretas.
Como é feito o balanceamento estático? Através da adição de pesos à seção à frente da linha de articulação, até esses pesos se igualarem ao da seção traseira do aerofólio ou superfície de comando Utilizando descarregadores estáticos Efetuando o polimento das superfícies fixas e móveis Eliminando o arrasto de superfície.
Ao fazer um reparo de uma superfície de comando, deve-se evitar danos ao balanceamento estático. Da mesma forma, se em uma inspeção for detectado que o balanceamento estático está frouxo ou com rebites faltando, deve-se efetuar o reparo com o mesmo peso. Se não for observado estes detalhes, quando o ar passar por esta superfície desbalanceada vai causar: Arrasto induzido Compensação Deflexão Vibração.
A empenagem é composta de: Leme, ailerons e profundor Estabilizadores, leme e flaps Flaps, slots, spoilers e slats leme profundor e estabilizadores.
A pressão produzida pela força de impacto do vento é chamada de: Pressão atmosférica Pressão absoluta Pressão contínua Pressão dinâmica.
A pressão exercida em um corpo na atmosfera: Pressão estática Pressão atmosférica Pressão absoluta Pressão contínua.
A superfície que produz reações aerodinâmicas é chamada de: Superfície lisa Spoiler Aerofólio Vento relativo.
Densidade é: Peso por unidade de pressão Peso Pressão Peso por unidade de volume.
O estudo da ação do ar sobre um objeto é chamada de: Meteorologia Viscosidade Aerodinâmica Velocidade .
A quantidade de vapor no ar é chamada de: Densidade Altitude Temperatura Umidade .
Quando o ar flui na superfície superior de um aerofólio: A pressão e a velocidade aumentam O arrasto de superfície diminui A velocidade aumenta e a pressão diminui O ângulo de stol é atingido.
A parte superior ou dorso do aerofólio é chamada de: Intradorso Cambra inferior Extradorso Bordo de ataque.
Linha imaginária que vai do nariz a cauda da aeronave: Envergadura Eixo longitudinal Forma o ângulo de ataque Usado para picar ou cabrar a aeronave.
Eixo que se entende de maneira transversal de ponta a ponta da asa Envergadura Eixo lateral Forma o ângulo de incidência Usado para rotacionar a aeronave.
A força que se opõe ao deslocamento de um corpo através do ar é chamada de: Empuxo ou tração Movimento e dinâmico Resistência ao avanço Ação do vento relativo.
Uma superfície aerodinâmica produz: Arrasto Tração Potência Sustentação.
Para vencer o arrasto e a aeronave se deslocar no ar, os motores produzem: Sustentação Potência Tração Força.
Um aerofólio produz características: Circulares e retas Centrais e laterais Assimétricas e simétricas Arrasto e empuxo.
Em um aerofólio, os filetes de ar passam com maior velocidade no (a): Cambra inferior Intradorso ou ventre Bordo de fuga Extradorso ou dorso.
Ao acionar os compensadores é proporcionado nas superfícies de comandos primárias um (a): Vibração Guinada Alívio Rolamento.
O movimento do nariz do avião para a esquerda e direta é a: Cabragem Picada Guinada Rolagem.
As manobras do avião são realizadas em torno dos eixos: Lateral, simetria e da corda Rotação, empuxo e arrasto Vertical, transversal e longitudinal Central, interno e lateral.
Os 3 (três) eixos imaginários se cruzam em um ponto chamado de: C.P. C.A.M C.G. STOL.
Se é comandado o pedal direito, o eixo que se atua é o movimento são chamados, respectivamente: Longitudinal / asa para direita Transversal / nariz para baixo Lateral / nariz para cima Vertical / guinada para a direita.
O movimento de subir e descer ou cabrar e picar e em torno do eixo: Vertical Paralelo Transversal Longitudinal.
Eixo em torno do qual a aeronave faz movimentos de guinada: Lateral Transversal Longitudinal Vertical.
Movimento em torno do eixo longitudinal: Arfagem Tangagem Cabragem Bancagem.
Arfagem ou Tangagem são movimentos em cima do eixo: Longitudinal Vertical Transversal Inclinado.
A inclinação do avião é feita em cima do eixo: Longitudinal Lateral Vertical Paralelo .
Os compensadores ajustáveis e comandáveis: Produzem sustentação Freios aerodinâmicos Corrigem tendências Diminuem o arrasto .
Superfície de comando responsável pelo movimento lateral da aeronave: Aileron Profundor Leme Flap .
Componente da resultante aerodinâmica perpendicular ao vento relativo: Peso Arrasto Empuxo Sustentação .
A densidade varia em função da: Umidade Pressão Temperatura Todas corretas.
Quanto maior a velocidade de escoamento, maior será a pressão dinâmica e menor a pressão estática: Teorema de Bernoulli Newton Pitot Venturi.
A força de sustentação é devido principalmente a: Força do grupo motopropulsor Impacto do ar com as asas Atuação das superfícies de comando Diferença de pressão estática entre o extradorso e o intradorso da asa .
Uma curva com inclinação demasiada das asas, a aeronave tenderá a: Derrapar Glissar Ganhar altura Estabilizar .
Flap de bordo de fuga que se desloca para trás e para baixo e que permite o voo com a menor velocidade de stol possível, aumentando a área de asa: Fendado Simples Fowler Ventral .
Quando uma aeronave atinge o ângulo crítico, pode levar a situação de: Máxima velocidade Melhor sustentação Stol Subida .
São recursos utilizados para diminuir o arrasto parasita: Alongamento da asa Torção de ponta de asa e winglet Instalação de tanques na ponta das asas Todas corretas.
Um avião ao efetuar a descida dentro da camada atmosférica, a pressão: Diminui Permanece Aumenta Dissipa .
Resistência ao avanço presente em toda a superfície da aeronave: Arrasto induzido Ângulo de ataque Arrasto parasita Vortex .
O conjunto de forças que atuam na parte superior da asa criando uma força de sucção para cima e para trás com a mesma: Sustentação Resultante aerodinâmica Empuxo ou tração Arrasto ou resistência.
Quando a sustentação é maior que o peso, o avião: Desce Mantém a altitude Faz curva Sobe.
Ao girar o manche para a esquerda e direita, a superfície acionada é o: Leme Profundor Aileron Flaps.
As superfícies de comando são classificadas em: Dinâmicas e estáticas Móveis e fixas Primárias, secundárias e auxiliares nra.
Componente paralelo ao vento relativo ocasionada pelo deslocamento de um corpo num fluido: Sustentação Empuxo Peso Arrasto .
O arrasto de um aerofólio é chamado de arrasto: Perfil Parasita Induzido De superfície.
Tipo de arrasto mais difícil de ser reduzido: Induzido Perfil Impacto superfície.
Report abuse Terms of use
We use cookies to personalize your experience. If you continue browsing you will be accepting its use. More information.