axd13

INFO
STADISTICS
RECORDS
Title of test:
axd13

Description:
Teste história

Author:
P.R
(Other tests from this author)

Creation Date:
11/09/2018

Category:
Logical
Click 'LIKE' to follow the bests test of daypo at facebook
Last comments
No comments about this test.
Content:
Quando os franceses invadiram a Espanha e prenderam o rei Fernando VII, em 1807, na metrópole e nas colônias formaram-se juntas para resistir aos franceses. Na região onde hoje é a Venezuela, estando suspensa a autoridade espanhola, os partidários da independência acharam por bem participar da junta ao lado dos espanhóis para manter a autoridade do monarca deposto. Essa junta tomou algumas medidas progressistas: implantou a igualdade social entre criollos e chapetones, e proibiu a importação de escravos. Em 1810, os cabildos proclamaram a independência e nomearam Francisco Miranda primeiro presidente da República da Venezuela. Mas a falta de disciplina dos rebeldes, as rivalidades entre os chefes, a localização limitada da ação e a falta de apoio inglês e estadunidense levaram à derrota da primeira república venezuelana. O México, depois da derrota dos movimentos populares dos padres Morelos e Hidalgo, o sentimento de sublevação popular manteve-se em voga, até que Augustín de Iturbide, militar criollo, educado na Europa, foi enviado para conter os levantes emancipacionistas, voltou-se contra a coroa, e proclamou-se imperador do México. Em 1823, uma rebelião liderada por militares criollos liberais o derrubou e proclamaram a República. Com a independência do México, a Capitania Geral da Guatemala, atual América Central continental, fora anexada ao México. Contudo, com a queda de Iturbide, houve a separação do México e a criação da República das Províncias Unidas da América Central. Mas a agitação crônica dentro de cada província levou ao desmembramento dessa região em várias repúblicas. Esse esfacelamento deveu-se às tendências autonomistas das oligarquias locais, que visavam o controle do poder local. Além da pressão internacional de Estados Unidos e Inglaterra, a quem não interessava um Estado unificado e forte. Na América do Sul, os movimentos de independência mais fortes se inciaram com o cacique Túpac Amaru II, que, em 1780, aprisionou e matou um corregedor espanhol, reuniu o povo, aboliu a tributação, e proclamou a insurreição, que se estendeu por várias partes da província. Contudo, a retirada de alguns outros caciques, associada à superioridade militar dos espanhóis, levaram à morte de Túpac Amaru II, que teve a língua decepada, e fora esquartejado. O Paraguai não reconheceu a autoridade da Junta Governativa de Buenos Aires. Um exército, comandado pelo general Manuel Belgrano, foi enviado para submeter o Paraguai à autoridade do Prata, contudo foi derrotado. O governo de d. João VI visava anexar a região, que era aceita pelo governador José Gaspar Rodríguez de Velazco, todavia, em 1811, o general Gaspar Francia assumiu o poder e o Paraguai tornou-se independente. A Argentina foi conquistada pelo general criollo San Martín, emancipada e entregue à Junta Governativa para seguir sua jornada. Chegando ao Chile, recém emancipado por Bernardo O’Higgins, participou da consolidação da independência, ao lado do almirante inglês lord Cochrane, donde seguiu para o Peru. Proclamou a independência em 1821, contudo somente com a chegada das tropas de Simón Bolívar e seu imediato Sucre, que as tropas espanholas foram derrotadas. Simón Bolívar, que vinha de batalhas contra os espanhóis, emancipando a Colômbia e a Venezuela, tinha como objetivo maior que a América hispânica fosse composta por um bloco único, forte e confederado para poder resistir aos ataques estrangeiros. Após tratativas da independência do Peru, San Martín retirou-se para a Europa por não concordar com as ideias centralizadoras de Bolívar, que seguiu para a atual Bolívia, onde, em 1825, foi proclamada a independência, com Sucre assumindo a presidência. Com base nas informações, responda às questões a seguir. “Criollos” e “Chapettones” eram respectivamente: Os espanhóis e os mestiços. Os naturais da América e os espanhóis. Os filhos de espanhóis e os precursores da independência. Franceses e estadunidenses Nenhuma delas é correta.
Independência da América Espanhola: São causas internas da independência dos países Latino-Americanos, EXCETO: As condições sociais das colônias. A imprensa e as universidades. As pressões contra os naturais da terra. A atuação dos “cabildos”. O abrandamento dos impostos.
Independência da América Espanhola: Assinale a alternativa que apresenta informação correta sobre o processo de independência da América Espanhola. O conjunto das lideranças independentistas defendia a instauração do regime monárquico constitucional. As elites criollas lideraram os movimentos de independência nas colônias, objetivando liberdade de comércio e poder político. Os índios, negros e mestiços apoiaram os criollos, formando uma frente contra o colonialismo espanhol. A monarquia espanhola reagiu rapidamente às lutas de independência, enviando tropas numerosas e bem armadas a todas as colônias rebeladas. A revolta popular foi bem sucedida, pois o poder é exercido em favor do bem estar social popular.
Relaciona-se com o processo de Independência da América Espanhol: a marginalização econômica dos criollos devido às discriminações metropolitanas. o apoio da Santa Aliança às lutas emancipadoras dos colonos americanos. a aliança da Inglaterra com a Espanha e Portugal para refrear os movimentos de libertação das colônias ibero-americanas. a difusão das teorias anarquistas e socialistas a luta contra a exploração colonialista. a influência das ideias liberais presentes na Independência dos Estados Unidos e a Revolução Francesa.
Para que os donos de indústrias, durante o século XIX, pudessem ampliar a venda de seus produtos também para regiões distantes era necessário a existência de: mercados livres comércios desenvolvidos comércios fortes mercados fortes mercados desenvolvidos.
Sobre a América espanhola, assinale a alternativa incorreta. Apresentava os Chapetones no topo da hierarquia social, geralmente originários da pequena nobreza empobrecida da Espanha, que ocupavam na colônia os altos cargos da administração pública, militar e eclesiástica. Utilizou-se da Mita – sistema de trabalho sazonal compulsório – onde os ameríndios de uma comunidade eram escolhidos por sorteio, mitayos, e recebiam em troca salários irrisórios. Os filhos de espanhóis na América, criollos, eram hacendados, (proprietários de latifúndios), comerciantes, e formavam a elite colonial. Os chefes indígenas convertidos ao cristianismo, os adelantados, estavam desobrigados da prática da encomenda, sujeitos, entretanto, à prestação de serviços obrigatórios e à obediência aos Vice-reis. Abaixo dos criollos, havia a massa dos mestiços de brancos e índios, de brancos e negros e de negros e índios. Eram capatazes das minas e das fazendas, artesãos, vaqueiros e caçadores de escravos.
(UFSCar-SP) A independência das colônias espanholas da América deveu-se a diversos fatores.Assinale a opção na qual todos os fatores relacionados contribuíram para essa independência. Política mercantilista da Espanha; influência da independência brasileira; interesse dos Estados Unidos no comércio das colônias espanholas. Monopólio comercial em benefício da metrópole; desigualdade de direitos entre os criollos, nascidos nas colônias, e os chapetones, nascidos na Espanha; enfraquecimento da Espanha pelas guerras napoleônicas. Influência das ideias políticas de Maquiavel; auxilio militar brasileiro à independência dos territórios vizinhos; exemplo da independência dos Estados Unidos. Liberalismo político e econômico, adotado pelas cortes espanholas; enfraquecimento do governo espanhol por causa da intervenção militar francesa; política do Congresso de Viena favorável à independência das colônias. Interesse econômico da Inglaterra na independência das colônias; política de suspensão das restrições de importações, seguida pelo governo de José Bonaparte; aliança entre chapetones, colonos nascidos na Espanha, e criollos, nascidos nas colônias para promover a independência.
Apesar de utilizarem um discurso de libertação dos povos americanos da dominação espanhola, indicando que haveria liberdade e melhoria nas condições sociais, os líderes das independências das colônias hispano-americanas tinham, na verdade, interesses na manutenção de uma estrutura de poder político e econômico que beneficiava apenas as elites coloniais. Qual das alternativas abaixo indica corretamente o nome pelo qual ficaram conhecidas estas elites? Chapetones. Burgueses. Aristocratas. Criollos. Latifundiários.
Assinale a opção que contém um dos objetivos de Simón Bolívar: Emancipar a América Latina como uma associação comercial unitária, que, posteriormente, daria a origem à ALALC. Desenvolver a industrialização no continente sob a hegemonia norte-americana para fazer frente à forte economia inglesa. Desenvolver a solidariedade continental em torno da hegemonia do Canadá, estabelecendo um intercâmbio direto deste com todos os países latino-americanos. Estabelecer uma política separatista respeitando as diferenças culturais e até linguísticas entre os países latino-americanos. Criar uma Confederação dos Estados Americanos face à possível contraofensiva da Europa apoiada pela Santa Aliança.
Uma das diferenças essenciais entre a Independência da América Espanhola e a Independência Brasileira está no: modelo político adotado, haja vista que na América Hispânica predominou o modelo republicano, enquanto no Brasil adotou-se o modelo monárquico. modelo de guerra adotado, já que no Brasil a guerrilha foi o modelo de combate adotado no processo de independência. modelo econômico, haja vista que o Brasil, ao contrário da América Espanhola, sofreu um grave transtorno na produção agrícola, levando a política colonial ao colapso. carisma do líder, já que Bolívar tinha menos impacto na consciência da população do que Dom Pedro I. papel do exército, já que, no caso brasileiro, o exército precisou impedir que Portugal retomasse o Brasil como sua colônia. .
Report abuse Terms of use
We use cookies to personalize your experience. If you continue browsing you will be accepting its use. More information.