Modelagem de Dados

INFO
STADISTICS
RECORDS
Title of test:
Modelagem de Dados

Description:
Modelagem de Dados

Author:
AVATAR

Creation Date:
22/08/2014

Category:
Computers
Click 'LIKE' to follow the bests test of daypo at facebook
Last comments
No comments about this test.
Content:
Um conjunto de dados é chamado de registro, um conjunto de registros é estruturado ou chamado de tabela, como é definido o conjunto de tabelas? SGBD. Base de Dados Administração de Dados. Campos. Administrador de Banco de Dados.
Independência de Dados significa: ao usuários não precisam definir os dados. imunidade das aplicações às mudanças na estrutura de armazenamento e estratégias de acesso. os dados são colocados no BD independentemente um do outro. não há necessidade de interferência do Administrador de Dados na criação do BD. os dados estão livres de controle do DBA.
Com relação às características de um SGBD, o compartilhamento de dados: permite que um dado seja dividido pelas aplicações. permite que usuários diferentes utilizem o dado em tempos diferentes. permite que usuários diferentes utilizem o dado com conceitos diferentes. permite que aplicações diferentes utilizem o dado com conceitos diferentes permite que usuários diferentes utilizem o dado ao mesmo tempo.
Um Banco de Dados é: uma coleção de fatos armazenados num arquivo computadorizado. uma coleção organizada de fatos registrados, que refletem o estudo de certos aspectos de interesse do mundo real. um grupo de dados guardados num computador. uma coleção de fatos aleatórios registrados, que representam certos aspectos de interesse do mundo real. um sequência de linhas armazenadas em uma tabela.
Analise as sentenças abaixo verificando se são verdadeiras ou falsas. Em seguida marque a alternativa que corresponde ao resultado de sua análise. I - Os bancos de dados representam um repositório de dados, cujas definições são denominadas por metadados. II - O conceito chamado de abstração de dados refere-se ao processo que se dá pelos programas a ter que solicitar os dados para o SGBD. III - Os bancos de dados não permitem acesso simultâneo para que não aconteça uma inconsistência dos dados. Cada usuário deverá acessar um dado exclusivamente, independente se para leitura ou gravação. Estão corretas as sentenças I, II e III. Estão corretas as sentenças II e III. Estão corretas as sentenças I e II. Está correta somente a sentença I. Estão corretas as sentenças I e III.
Considerando a arquitetura de três-esquemas (externo, conceitual e físico) de um sistema de banco de dados, a capacidade de modificar a definição dos esquemas de um banco em determinado nível, sem afetar o esquema do nível superior, é denominada: Independência de dados Abstração de dados Suporte a múltiplas visões Modelo semântico de dados Conjunto de entidades.
Muitas aplicações para web usam uma arquitetura chamada de "arquitetura três camadas", que possui uma camada intermediária entre o cliente e o servidor de banco de dados. Essa camada intermediária, ou camada do meio é, algumas vezes, chamada de servidor de aplicações. A respeito dessa camada, NÃO é correto afirmar que: dependendo da aplicação é chamada de servidor web. o servidor de aplicações formata o resultado da consulta em XML antes de enviá-lo ao cliente. aceitas as solicitações do cliente, processa-as e envia comandos de banco de dados ao servidor de banco de dados. armazena as regras de negócio (procedimentos ou restrições) que são usadas para acessar os dados do servidor de dados. incrementa a segurança do banco de dados, checando as credenciais do cliente antes de enviar uma solicitação ao servidor de banco de dados.
Três das principais características que um SGBD deve prover são: independência de dados, divisão de dados e restrição de acesso controle de redundância, compartilhamento de acesso e restrição de integridade mecanismos de backup e recuperação, dependência de dados e retrição de integridade independência de dados, retrição de integridade e compartilhamento de dados controle de acesso, dependência de dados e mecanismos de backup e recuperação.
Um Sistema Gerenciador de Banco de Dados tem como grande característica o isolamento de dados, uma dessas propriedades é a independência programa - dados que conceitualmente trata a capacidade do : Banco de dados não implementar uma correta abstração de dados. Banco de dados ser totalmente dependente da aplicação. Do Banco de dados ter sua estrutura alterada sem precisar alterar os programas que o acessam. Nível de acesso concedido aos usuários. Usuário final acessar os dados.
Um Sistema Gerenciador de Banco de Dados é conjunto complexo de software que deve prover um conjunto básico de funcionalidades, dentre elas a capacidade de permitir que haja evolução na descrição dos dados da empresa, sem que os sistemas ou aplicações tenham que ser alterados. Esta funcionalidade refere-se: Restrições de Integridade Restrições de Acessos Redundância de Dados Compartilhamento de Dados Independência de Dados.
Os Sistemas Gerenciadores de Banco de Dados possuem propriedades fundamentais que determinam o sucesso de qualquer projeto de desenvolvimento. Marque a alternativa correta que NÃO indica um benefício da propriedade INDEPENDÊNCIA DOS DADOS. padroniza as estruturas de dados relacionadas ao banco de dados. facilita o desenvolvimento de novos sistemas. provê ao programador facilidade no desenvolvimento dos programas. facilita a manutenção do sistema. garante a incidência da redundância dos dados.
Um modelo conceitual busca criar uma ABSTRAÇÃO da realidade, que seja capaz de registrar os acontecimentos da mesma. Na construção do modelo de entidade e relacionamento neste nível de representação é importante: Definir o tipo e o tamanho dos atributos. Escolher as chaves primárias. Fazer a derivação do modelo, preparando para criação do Banco de Dados. Entender as necessidades dos usuários e as regras que regem o negócio. Conhecer o SGBD que estará sendo implementado.
Um projeto de banco de dados envolve a produção de 3(três) modelos que definem o esquema de banco de dados, estes modelos são ? Físico, Query, Conceitual. Lógico, Procedural, Imperativo. Conceitual, Lógico e Físico. Hierárquico, Distribuído e Rede. Analítico, Físico e lógico.
Na notação de Peter Chen um retângulo representa um(a): Atributo Relacionamento Entidade Entidade Tipo Relacionamento Tipo.
Em relação ao diagrama entidade-relacionamento, pode-se dizer que o número de atributos de uma entidade é de, no máximo, 3 vezes o número de relacionamentos que ela possui; é possível haver um relacionamento entre atributos de diferentes entidades; os losangos representam os relacionamentos entre uma entidade e seus atributos; as linhas unem os atributos à entidade e as entidades aos relacionamentos; os retângulos representam atributos, as elipses representam os relacionamentos e os losangos representam as entidades.
Com base no conceito de mapeamento de cardinalidade do modelo entidade-relacionamento, pode-se dizer que o diagrama acima apresenta a seguinte cardinalidade todos para um. todos para muitos; muitos para muitos; um para todos; um para muitos;.
Sejam as seguintes afirmações sobre o modelo entidade-relacionamento utilizado em bancos de dados: I. Um relacionamento, em um diagrama entidade-relacionamento, não pode ter atributos. II. Uma entidade fraca não tem atributos suficientes para formar uma chave primária. III. Em um diagrama entidade-relacionamento, os retângulos representam conjuntos de atributos. Sobre as afirmações, pode-se dizer que apenas II é correta. I, II e III são corretas. apenas II e III são corretas apenas I e II são corretas apenas I e III são corretas.
Em relação ao DER considere as seguintes afirmativas: I "Cada autor tem um código, nome e uma nacionalidade. Cada autor cadastrado possui pelo menos um livro e é identificado pelo seu código" nos indica que com certeza que código é um atributo único e obrigatório. II ''Podem existir vários livros de um mesmo autor" nos indica que a cardinalidade entre autor e livro é (0,1) III '' Cada livro foi editado por uma única editora." nos indica que a cardinalidade entre livro e editora é (1,N) IV '' Cada livro tem um número de identificação, um título,um ou vários idiomas, um ano de edição." nos indica que idioma é um atributo multivalorado de livro. Estão corretas as afirmativas II e III somente a I III e IV I e II II e IV.
No modelo ER, o conceito de entidade fraca aplica-se a entidades que: não podem existir separadamente de outras entidades; não podem participar de relacionamentos N:M. não podem participar de auto-relacionamentos; não possuem chaves primárias; são opcionais;.
Na notação de Peter Chen (0,1) representa a cardinalidade : Mínimo zero , Máximo muitos Mínimo zero , Máximo um Mínimo um , Máximo muitos Mínimo muitos , Máximo muitos Mínimo um , Máximo zero.
Um modelo dados possui Entidades que se inter-relacionam entre si, através do uso das cardinalidades. Marque nas opções abaixo qual o tipo de cardinalidade possíveis entre as entidades, cujo o objetivo é que todos os elementos de uma entidade A, pode se relacionar com várias elementos de uma entidade B : N:M 1:1 N:1 1:N 1:100.
Dado o cenário: Um funcionário trabalha em um ou vários projetos, onde um projeto é constituído por um ou vários projetos e um computador é utilizado em ou mais projeto por um ou mais funcionários. No Diagrama Entidade Relacionamento (DER) para modelarmos o cenário de forma a responder qual funcionário utiliza o computador em um determinado projeto precisamos trabalhar com o conceito de: Generalização Agregação Entidade Fraca Especialização Auto relacionamento.
"A loja de calçados "Puro Luxo" vende produtos de qualidade, mas atende a todos os níveis de cliente A, B, C, D. Em cada operação de venda a loja registra a quantidade de produtos vendidos, a forma de pagamento e também o tipo de entrega, pois a loja disponibiliza a retirada em balcão e entrega a domicílio." Em um Modelo de entidade e relacionamento os atributos quantidade de produtos vendidos, forma de pagamento e tipo de entrega devem estar definidos para: PRODUTO. ENTREGA. CLIENTE. Relacionamento entre ENTREGA e PRODUTO. Relacionamento entre CLIENTE e PRODUTO.
Um modelo entidade-relacionamento foi reestruturado conforme mostrado na figura abaixo. Concluiu-se que todos os usuários eram funcionários, embora nem todos os funcionários fossem usuários. O modelo relacional derivado desse modelo conceitual possuía originalmente duas variáveis de relação básicas, com os mesmos nomes das entidades correspondentes, tendo ambas EMAIL como chave primária. Considerando que a variável de relação FUNCIONARIO não será modificada e que a independência de dados lógica será honrada, a variável de relação USUARIO: será substituída por uma variável de relação básica e uma derivada. dispensará o uso de chaves candidatas. será substituída por uma variável de relação básica, apenas. terá que manter todos os seus atributos originais. será substituída por uma variável de relação derivada, apenas.
Considere o seguinte enunciado: Um livro é uma publicação elaborada por um ou por vários autores, editado por apenas uma editora e abrangendo um ou vários assuntos. Cada livro tem um número de identificação, um título, pelo menos um autor, uma editora, um ou vários idiomas, um ano de edição e abrange pelo menos um assunto. Podem existir vários livros de um mesmo autor. Cada autor tem um código, nome e uma nacionalidade. Cada autor cadastrado possui pelo menos um livro e é identificado pelo seu código. Cada editora cadastrada tem vários livros. Cada editora tem um código, um nome e um endereço. Cada assunto possui um código, nome e descrição. A partir dele considere as afirmativas abaixo: I - livro é uma entidade II - autoria é um relacionamento III- editora é um atributo IV - Ano de edição é um atributo V - Assunto é um relacionamento VI - publica é uma entidade Podemos afirmar que estão corretas as afirmativas III , V e VI I , II, V e VI I , II e IV I , II e III I , II,e III e IV.
Um atributo, em um modelo de entidade-relacionamento, possui "sub-atributos" em sua nomenclatura que podem ou não ser do mesmo tipo e que são agregados a ele no mundo real. Esse atributo é definido como: um atributo composto. um atributo multivalorado. um atributo chave. um atributo monovalorado. um atributo derivado.
Na confecção de Modelo de Entidade e Relacionamento, não é permitido o relacionamento entre relacionamentos. Mas, existe um elemento qual os relacionamentos são tratados como entidades de mais alto nível, permitindo este tipo de relacionamento. O elemento o qual o texto se refere é uma? Entidade Fraca. Generalização Parcial. Especialização. Agregação. Generalização.
A Modelagem conceitual e lógica de dados é um conjunto de definições que descrevem a estrutura de um banco de dados que reflete situações do mundo real, como tipo de dados, relacionamentos e restrições sobre esses dados. Assinale a alternativa que contém conceitos presentes em um modelo de dados de alto nível. Registro, tupla e caminho de acesso. Pastas,arquivos e permissões. Entidades, relacionamentos e atributos. Classes, objeto e herança. Esquemas, instâncias e Objetos.
Relacione as colunas e em seguida marque a alternativa correta: 3 - 1 - 4 - 5 - 2 1 - 3 - 5 - 4 - 2 2 - 5 - 4 - 3 - 1 2 - 5 - 4 - 1 - 3 5 - 4 - 2 - 1 - 3.
Em relação ao modelo lógico, a regra de integridade que define : As chaves estrangeiras tem que ser respeitadas, ou seja, se existe um determinado valor para o atributo na tabela onde ele é chave estrangeira este valor deve existir na tabela onde ele é chave primária.. Esta regra pertence a: Integridade de Chave Candidata Integridade de Entidade Integridade Referencial Integridade de Restrição Semântica Integridade de Chave Primária.
Qual dos tipos chaves abaixo, possui as característica de uma SUPER CHAVE só que não foi escolhida para ser uma chave primária de uma determinada tabela ou relação. Chave Estrangeira. Chave Secundária. Chave Candidata. Super chave. Chave Primária.
Em um Banco de dados relacional, a tabela cuja a chave primária não possui valores nulos ou dados repetidos, possui : Integridade relacional. Integridade Nula. Integridade Física. Integridade Referencial. Integridade de Entidade.
O modelo lógico de dados, tem como conceito básico estabelecer relações entre linhas de tabelas de um banco de dados relacional. Dentre as listadas abaixo, selecione o tipo de chave que tem como característica a Implementação de relacionamento entre tabelas de um banco de dados relacional Chave Candidata. Chave Alternativa. Chave Primária. Chave composta Chave Estrangeira.
Na modelagem de bancos de dados relacionais, há o conceito de especialização total. Sobre esse conceito, pode-se afirmar que cada entidade de nível superior precisa pertencer a pelo menos dois conjuntos de entidades de nível inferior. cada entidade de nível superior precisa pertencer a um conjunto de entidades de nível inferior. as entidades de nível inferior não são representadas nas tabelas do banco de dados. nem todas as entidades de nível superior precisam pertencer a um conjunto de entidades de nível inferior. as entidades de nível superior não são representadas nas tabelas do banco de dados.
A partir da figura acima podemos afirmar que: Qualquer empregado pode ser consultado pelos médicos Tanto os empregados próprios quanto os terceirizados podem trabalham em algum departamento Os empregados terceirizados podem ser consultados pelos médicos Todos os empregados trabalham em algum departamento Somente os empregados próprios trabalham em algum departamento.
A partir da figura acima podemos afirmar que: Todos os empregado possuem matricula, nome, salario e carga_horaria como atributo. Todos os empregados possuem nome, mas apenas os próprios possuem matricula como atributo. Os empregados próprios possuem matricula e salario como atributo. Os empregados terceirizados possuem matricula, nome, salario e carga_horaria como atributo. Apenas os empregados próprios possuem salário como atributo.
I - A tabela Cliente recebe o atributo id_cidade como chave estrangeira. II - A tabela Estado recebe o atributo id_cidade como chave estrangeira III - A tabela Cliente recebe os atributos id_cidade e id_estado como chaves estrangeiras. Assinale a alternativa CORRETA. Somente a I e II estão corretas. Somente a II e III estão corretas. Somente a II está correta. Somente a I está correta. Somente a III está correta.
Sabemos que a derivação de um Modelo Conceitual é realizada para tornar possível a implementação em um banco de dados relacional. Sendo assim, analise o Modelo de Entidade e Relacionamento abaixo e, baseado nas regras de derivação marque a alternativa correta: Na derivação do modelo entre VENDA e PRODUTO será preciso inserir o atributo Quantidade na entidade VENDA. Na derivação do modelo entre VENDA e PRODUTO será preciso criar uma nova entidade, chamada ITENSVENDA, para conter o atributo Quantidade. Na derivação do modelo entre VENDA e CLIENTE, o relacionamento deverá conter o Código de venda da entidade VENDA e o código de cliente da entidade cliente, como chave primária composta. Na derivação do modelo entre VENDA e PRODUTO será preciso inserir o atributo Quantidade na entidade PRODUTO. Na derivação do modelo entre VENDA e CLIENTE o Código de venda da entidade VENDA deverá ser chave estrangeira na entidade CLIENTE.
No relacionamento de N:M, durante a transformação de um modelo conceitual para um modelo lógico, quantas relações serão criadas? 1 4 3 5 2.
Considerando os conceitos de derivação de modelos, quando nos deparamos com uma representação de Generalização/Especialização, podemos afirmar que: A regra é criar a tabela que estiver prevendo maior número de informações e uma outra representando os demais tipos. A regra é avaliar em função da freqüência do acesso, volume de informações e quantidade de atributos diferentes e, a partir daí definir a quantidade de tabelas resultante na derivação. A regra é sempre criar somente duas tabelas, uma para cada tipo. A representação de Generalização e especialização é para indicar que possuem atributos comuns, somente. Sempre será criada uma única tabela no banco de dados. A representação de Generalização e especialização é utilizada somente para facilitar a visualização enquanto Modelo Conceitual. Sempre serão criadas 3 tabelas no banco de dados. Uma com os dados comuns e as duas outras com seus atributos particulares, acrescentada da chave primária.
I - Na tabela Disciplina, além da chave primária (Id_Disc) cria-se o atributo Id_DiscPre. II - Cria-se a tabela PreRequisito e esta é composta pelos atributos: Id_Disc e Id_DiscPre. III - A tabela aluno recebe o atributo Id_Disc como chave estrangeira. Assinale a alternativa CORRETA. Somente a I está correta. Somente a II e III estão corretas. Somente a I e III estão corretas. Somente a II está correta. Somente a III está correta.
Durante a transformação de um modelo conceitual em modelo lógico, entre as entidades A e B cujo o relacionamento é de N:N. Quantas tabelas teremos no modelo lógico Uma tabela composta pelos atributos da entidade A e Chave Primária de B. Duas tabelas, onde a chave primária da entidade B será a chave estrangeira da entidade A. Três tabelas, onde a chave primária da entidade A e B terão todos os seus atributos migradas para uma tabela C. Três tabelas, onde a chave primária da entidade A e B terão suas chaves migradas para uma tabela C. Duas tabelas, onde a chave primária da entidade A será a chave estrangeira da entidade B.
Durante a transformação de um modelo conceitual em modelo lógico, entre as entidades A e B cujo o relacionamento é de 1:N, Onde : A(nome, CNPJ) e B(Cod_loja, Nome, Endereço). O que acontecerá com as chaves primárias de A e B ? As Chaves primárias das entidades A e B, vão migrar como Chave estrangeira das novas tabelas C e D respectivamente. A Chave primária da entidade A, vai migrar como Chave estrangeira da entidade B. A Chave primária da entidade B, vai migrar como Chave estrangeira da entidade A. As Chaves primárias das entidades A e B, vão permanecer nas suas respectivas entidades. As Chaves primárias das entidades A e B, vão migrar como Chave estrangeira da nova entidade C.
Tendo como base as seguintes informações abaixo : ROUPA (cod_modelo, preco, tipoTecido) e TECIDO (cod_tecido, descricao), onde as chaves primárias das entidades são respectivamente cod_modelo e cod_tecido e possuem um relacionamento chamado POSSUEM em uma relação N:M, como ficará o relacionamento (POSSUEM) destas duas entidades quando convertida para o modelo lógico. POSSUEM (cod_modelo, cod_tecido,decricao) POSSUEM (preco, tipoTecido,descricao) POSSUEM (cod_modelo,cod_tecido) POSSUEM (cod_tecido, tipoTecido) POSSUEM (cod_modelo, cod_tecido,decricao,tipoTecido).
Durante a transformação de um modelo conceitual em modelo lógico, entre duas entidades cujo o relacionamento é de 1:N. As relações deste evento são : FABRICA (nome, CNPJ) e LOJA(CNPJ_LOJA, razão_social, End, nome). Os atributos chaves de cada uma das relações são CNPJ e CNPJ_LOJA. Qual das duas chaves irá se tornar a chave estrangeira da relação e para qual relação irá migrar? CNPJ da relação FABRICA migra para a relação LOJA. Nenhuma das Relações Migram seus atributos chaves entre si. Ambas as Relações migram seus atributos chaves entre si. é Gerada um nova Relação FABRICA_LOJA com os atributos chaves de FABRICA e LOJA. CNPJ_LOJA da relação LOJA migra para a relação FABRICA.
Uma relação está na ________ se e somente se, em todo valor válido, cada tupla contém exatamente um valor para cada atributo. As palavras que completam corretamente a frase são: segunda forma normal forma normal de Boyce Codd terceira forma normal quarta forma normal primeira forma normal.
Considere as dependências funcionais: X -> Y, Y -> Z e Y -> W, onde os atributos X,Y,Z são atômicos. A definição da relação R que não está na terceira forma normal é: R ( Y, W ) R ( Y, Z, W ) R ( Y, Z ) R ( X, Y, Z ) R ( X, Y ).
Analise as seguintes afirmações sobre integridade em banco de dados. I. Em banco de dados, podemos falar de integridade de entidade e referencial. II. Para que haja integridade de entidade, deve-se observar a propriedade de que a coluna da chave primária não pode conter valores null. III. Já, para que haja integridade referencial, deve-se observar a propriedade de que não pode haver registros (linhas) duplicados em uma tabela com chave estrangeira. Assinale a alternativa que contém a(s) afirmação(ões) CORRETA(S). Apenas I e II. Apenas II e III. Apenas III. Apenas I. Apenas II.
Analise as seguintes afirmações sobre modelo entidade/relacionamento. I. O modelo entidade/relacionamento é uma das formas de projetar a estrutura de um banco de dados. O produto resultante do processo de modelagem entidade/relacionamento é um diagrama. II. Diagramas entidade/relacionamento descrevem as entidades, os atributos, os relacionamentos entre as entidades, as multiplicidades dos relacionamentos, os eventuais atributos de relacionamentos, as entidades compostas e as chaves primárias das entidades. III. Extensões do modelo entidade/relacionamento criaram conceitos adicionais, como: generalização e agregação, os quais não foram definidos no modelo proposto originalmente. Assinale a alternativa que contém a(s) afirmação(ões) CORRETA(S) Apenas I. Apenas II e III. Apenas I e II. Apenas III. I, II e III.
(Concurso: Banco do Nordeste) No processo de desenvolvimento de um sistema de informação, elabora-se um modelo de dados no qual se usam técnicas de normalização. Sobre esta técnica de normalização, é CORRETO afirmar que: a normalização define regras para cada um dos atributos da entidade. a normalização tem como objetivo definir as funções a serem executadas por cada entidade do modelo relacional. a normalização define as relações existes entre os atributos que podem ser do tipo um para um ou um para vários. a normalização é um processo formal que examina os atributos de uma entidade, com o objetivo de evitar anomalias, eliminando grupos repetitivos, dependências e redundâncias dos atributos. em um modelo totalmente normalizado, preserva-se a relação de dependência entre os atributos, além de preservar a redundância da informação, pois assim consegue-se garantir o fácil acesso às informações em virtude de encontrarem-se disponíveis em vários pontos do modelo de dados.
As tuplas de uma relação são : Parte do esquema da tabela. As suas linhas. O encontro de uma linha e uma coluna. O conjunto de valores possiveis em um coluna. O conjunto de suas colunas.
Dado o cenário: Um funcionário trabalha em um ou vários projetos, onde um projeto é constituído por um ou vários projetos e um computador é utilizado em ou mais projeto por um ou mais funcionários. No Diagrama Entidade Relacionamento (DER) para modelarmos o cenário de forma a responder qual funcionário utiliza o computador em um determinado projeto precisamos trabalhar com o conceito de: Agregação Especialização Generalização Auto relacionamento Entidade Fraca.
Analise as seguintes afirmações sobre modelo entidade/relacionamento. I. O modelo entidade/relacionamento é uma das formas de projetar a estrutura de um banco de dados. O produto resultante do processo de modelagem entidade/relacionamento é um diagrama. II. Diagramas entidade/relacionamento descrevem as entidades, os atributos, os relacionamentos entre as entidades, as multiplicidades dos relacionamentos, os eventuais atributos de relacionamentos, as entidades compostas e as chaves primárias das entidades. III. Extensões do modelo entidade/relacionamento criaram conceitos adicionais, como: generalização e agregação, os quais não foram definidos no modelo proposto originalmente. Assinale a alternativa que contém a(s) afirmação(ões) CORRETA(S). Apenas I. I, II e III. Apenas II e III. Apenas III. Apenas I e II.
Em um curso de Inglês, um professor pode trabalhar em uma ou várias turmas, desde que em períodos diferentes, mas uma turma só terá um professor. Analisando esse cenário, é correto afirmar que: A entidade Professor possui o período. A entidade Período possui o atributo nome_professor. A entidade Período possui o atributo turma. A entidade Professor possui o atributo turma. A entidade Turma possui o atributo período.
O grupo de usuários de um Sistema de Banco de Dados que é encarregado de coordenar e monitorar o uso do sistema é denominado: Administrador de Dados Programador de Aplicações Analista de Sistemas Administrador de Banco e dados Projetista de Banco de Dados.
Quando se fala em restrição de integridade de chave estamos falando de: restrição que define que os valores da chave candidata devem ser 0. restrição que define que os valores da chave secundária não podem ser null. restrição que define que os valores da chave primária não pode ser null. restrição que define que os valores da chave secundária devem existir na chave primária da relação que participa o relacionamento. restrição que define que os valores da chave primária devem ser únicos.
Acerca de Bancos de Dados e Sistemas de Gerência de Banco de Dados (SGBDs) é correto dizer: Um banco de dados é uma coleção de programas que possibilita a criação e manutenção de dados, enquanto que um SGBD permite a realização de consultas sobre os dados através de linguagens de consulta, como por exemplo SQL. Um banco de dados não pode ser gerado nem mantido manualmente, ou seja, sem o auxílio de um SGBD ou programa similar. Um SGBD tem acesso não somente ao banco de dados, mas também a uma definição completa do banco de dados armazenada no catálogo do sistema, ou seja, o SGBD tem acesso aos dados e aos metadados. O administrador do banco de dados (DBA) é a pessoa responsável por autorizar o acesso ao banco de dados, definir o esquema do banco de dados e o método de acesso, coordenar e monitorar sua utilização e projetar e implementar ferramentas do SGBD. O uso de SGBDs permite eliminar a redundância dos dados e garantir as restrições de integridade, trazendo vantagens em relação ao enfoque de sistemas de arquivos tradicionais.
A caracterização das propriedades de uma entidade de um modelo de dados é chamada de : Query. Banco de Dados. Relacionamento. Atributos. Entidade Fraca.
Em um banco de dados relacional, quando se diz que uma relação contém 7 tuplas, é equivalente a dizer que a relação contém 7 índices. registros. formas normais. atributos. tabelas.
Um Modelo de Dados é uma forma de representação gráfica do conhecimento que se tem sobre um ambiente qualquer. Em relação ao Diagrama Entidade Relacionamento (DER) podemos afirmar que: I - Uma Entidade é representada por um conjunto de atributos. II - Um atributo é um dado que é associado a cada ocorrência de uma entidade ou de um relacionamento. III - Todo objeto para ser uma entidade possui propriedades que são descritas por atributos e valores. Assinale a alternativa CORRETA. Todas estão corretas. Somente a I está correta Somente a I e II estão corretas Somente a I e III estão corretas Somente a II e III estão corretas.
As tuplas de uma relação são : As suas linhas. O conjunto de suas colunas. O encontro de uma linha e uma coluna. O conjunto de valores possiveis em um coluna. Parte do esquema da tabela.
As colunas de uma tabela no Modelo Relacional são chamadas de: Valor Tuplas Campo Domínio Atributos.
Na modelagem de bancos de dados relacionais, um relacionamento um para muitos de A para B significa que: uma entidade em A é associada a, no mínimo, duas entidades em B e uma entidade em B pode estar associada a, no mínimo, uma entidade em A. as entidades em A e em B não têm qualquer relacionamento entre si, apenas que o número de registros em B deve ser obrigatoriamente menor que o número de registros em A uma entidade em A é associada a várias entidades em B (zero ou mais) e uma entidade em B pode estar associada a no máximo uma entidade em A uma entidade em B é associada a várias entidades em A (zero ou mais) e uma entidade em A pode estar associada a, no máximo, uma entidade em B uma entidade em B é associada a, no máximo, duas entidades em A e uma entidade em A pode estar associada a, no mínimo, uma entidade em B.
A partir da figura acima podemos afirmar que: Todos os empregados trabalham em algum departamento Os empregados terceirizados podem ser consultados pelos médicos Somente os empregados próprios trabalham em algum departamento Qualquer empregado pode ser consultado pelos médicos Tanto os empregados próprios quanto os terceirizados podem trabalham em algum departamento.
Para as questões seguintes considere os atributos sublinhados como a chave primária de cada relação R. Sabendo-se que todos os atributos são atômicos assinale as alternativas que estão na 3NF: 1. R(A, B, C), e as dependências funcionais A -> B e A -> C 2. R(A, B, C), e a dependência funcional A -> C 3. R(A, B, C, D) e as dependências funcionais A -> B e A -> C 4. R(A, B, C, D) e a dependência funcional AB -> C e AB -> D 5. R(A, B, C), e as dependências funcionais A -> B e B -> C 1, 3, 1, 4 3, 4 4, 5 2, 3.
Usando-se o modelo Entidade-Relacionamento, quando o endereço de um empregado pode ser manipulado tanto como um todo como pelas suas partes separadas (CEP, Bairro, Cidade, etc.), ele deve ser modelado como um atributo composto. apenas como uma coleção de atributos simples, um para cada parte. como um atributo multivalorado. como um único atributo atômico. sempre como uma outra entidade.
Considere o texto a seguir e complete as lacunas com expressões constantes nas alternativas, respeitando a correlação seqüencial em que estão dispostas. Uma ..................... é uma coluna ou uma combinação de colunas cujos valores distinguem uma linha das demais, dentro de uma tabela. Uma ...................... é uma coluna ou uma combinação de colunas cujos valores aparecem, necessariamente, na ........................ de uma outra tabela. Em alguns casos, mais de uma coluna ou combinações de colunas podem servir para distinguir uma linha das demais. Uma das colunas (ou combinação de colunas) é escolhida como ..................... As demais colunas ou combinações são denominadas ........................ A seqüência correta encontra-se apenas em: Chave primária; chave estrangeira; chave primária; chave secundária; chaves alternativas. Chave primária; chave estrangeira; chave primária; chave primária; chaves alternativas. Chave primária; chave estrangeira; chave primária; chave alternativa; chaves secundárias Chave primária; chave estrangeira; chave primária; chave primária; chaves estrangeiras Chave primária; super-chave; chave primária; chave candidata; chaves secundárias.
Um Sistema Gerenciador de Banco de Dados (SGBD) é o conjunto de programas de computador responsável pelo gerenciamento de uma base de dados. Dentre as funcionalidades de um SGBD, NÃO se inclui: controle transacional. administração. controle de acesso. manutenção de dados. concorrência.
Na notação de Peter Chen um losango representa um(a) : Relacionamento Entidade Tipo Relacionamento Tipo Atributo Agregação.
A afirmação: "A receita federal classifica os contribuinte como pessoas físicas ou jurídicas". Seria convenientemente representada em uma estrutura de: Generalização/Especialização total e exclusiva. Agregação entre pessoa física e pessoa jurídica. Agregação entre contribuintes e receita federal. Generalização/Especialização parcial com superposição. Relacionamento ternário entre contribuinte, pessoa física e pessoa jurídica.
O modelo lógico de dados, tem como conceito básico estabelecer relações entre linhas de tabelas de um banco de dados relacional. Dentre as listadas abaixo, selecione o tipo de chave que tem como característica identificar univocamente um registro em uma determinada tabela de um banco de dados relacional. Chave Candidata. Chave Primária. Chave composta. Chave Estrangeira. Chave Alternativa.
A coleção de programas que permite a um usuário criar e manter um banco de dados é denominado: Sistema de Banco de Dados Base de Dados Sistema Gerenciador de Banco de Dados Aplicativos de Consulta Gerenciador de Metadados.
Observe o diagrama e marque a alternativa correta: ALUGUEL é uma classe do tipo independente, onde serão registradas as ocorrências de aluguel de carro. CARRO pode ser criado sem participar da associação, mas CLIENTE somente poderá ser criado se participar pelo menos de uma associação. CLIENTE pode ser criado sem participar da associação, mas CARRO somente poderá ser criado se participar pelo menos de uma associação. CARRO e CLIENTE podem ser criados sem participar pelo menos de uma associação. SITUAÇÃO é uma classe dependente de carro, ou seja, não poderá existir quando não participar da associação.
Pelas regras de normalização de dados uma tabela está na 1FN quando ? Todos os atributos são monovalorados e atômicos, isto é contém tabelas aninhadas. Todos os atributos são monovalorados e atômicos, isto é não contém tabelas aninhadas. Todos os atributos são monovalorados e atômicos, mantendo característica da 2FN. Todos os atributos são multivalorados e atômicos, isto é contém tabelas aninhadas. Todos os atributos são multivalorados e atômicos, isto é não contém tabelas aninhadas.
No contexto do projeto de banco de dados podemos afirmar que o estudo de um objeto existente no mundo real constitui-se em um(a): Relacionamento Entidade Tipo Entidade Relacionamento Tipo Atributo.
No contexto do projeto de banco de dados podemos afirmar que o modelo conceitual é : composto pelo script com os comandos de DDL. uma parcela do mundo real de interesse do usuário. uma descrição de um banco de dados no nível do SGBD. um processo através do qual o ser humano "foca" apenas algumas propriedades de fenômenos da realidade. composto por um Diagrama Entidade Relacionamento.
Relacione a segunda coluna de acordo com a primeira: (1) Uma coluna ou um grupo de colunas que assegura a unicidade das linhas dentro de uma tabela. (2) Restrições de Integridade. (3) Os valores que aparecem nos atributos em uma chave estrangeira devem aparecer na chave primaria da tabela referenciada. (4) Representação bi-dimensional dos dados composta de linhas e colunas. (5) Determinado valor ou uma escala de valores que certo atributo pode assumir. ( ) Tabela. ( ) Domínio. ( ) Chave Primaria. ( ) Uma regra que deve ser obedecida em todos estados válidos da base de dados. ( ) Integridade Referencial. A alternativa que corresponde ao preenchimento das colunas, na sequência, é: 5, 2, 1, 3, 4 4, 5, 1, 2, 3 4, 1, 5, 2, 3 5, 4, 2, 1, 3 5, 2, 3, 1, 4.
As seguintes afirmações são verdadeiras ( V ) ou falsas ( F )? ( ) A integridade referencial é garantida através da chave primária ( ) Mapeamento é um método para converter o diagrama ER conceitual na sua derivação lógica dando origem a arquivos convencionais ( ) Quando há ocorrência de valores nulos os usuários tem certeza de que o atributo em questão não é aplicável para uma instância em particular da entidade ( ) O principal conceito da abordagem relacional deriva da teoria de conjuntos combinado com a idéia de que o usuário não necessita saber onde os dados estão nem como estão. A alternativa que corresponde ao preenchimento das colunas, na sequência, é: F, F, F, V V, F, F, V F, F, V, V F, V, F, V V, V, F, F.
Ao atributo ou conjunto de atributos de uma relação que referencia a chave primária de outra relação, de forma a garantir a restrição de integridade referencial, dá-se o nome de chave transitiva. candidata. secundária. estrangeira. referencial.
No contexto do projeto de banco de dados requisitos de informação podem ser visto como: o conjunto de dados para atender as necessidades de um usuário um modelo de dados semântico um conjunto de normas que regulam o funcionamento do sistema um modelo adaptado a realidade de um determinado SGBD a descrição de uma realidade que se deseja modelar.
Para normalizar a tabela acima na segunda forma normal, é necessário: Eliminar a coluna Valor_Unit Dividir a tabela: Pedido (N_Pedido, Qtde, Sub_Total) e Produto (Cod_Produto, Produto) Eliminar a coluna subtotal Dividir a tabela: Pedido (N_Pedido, Cod_Produto, Qtde, Sub_Total) e Produto (Cod_Produto, Valor_Unit) Dividir a tabela: Pedido (N_Pedido, Cod_Produto Qtde, Valor_Unit,Sub_Total) e Produto (Cod_Produto, Produto).
Acerca do conceito de chaves no Modelo Relacional é correto dizer: Chave alternativa é uma chave estrangeira que referencia outra tabela As chaves ordenam as linhas em uma tabela e permitem relacionar tabelas através de valores de atributos. A única forma de uma tabela referenciar outra é através de chave alternativa. Chave primária é o atributo ou combinação de atributos que permite a identificação única de uma tupla em uma tabela. Uma chave primária não possui atributos em comum com uma chave candidata, mas pode possuir atributos em comum com uma chave estrangeira.
Por definição a cardinalidade representa o número de vezes que um elemento da Entidade de Dados participa do relacionamento através de um Limite Inferior e Limite Superior. Analisando o negócio de uma loja onde a fabricação de seus produtos é exclusiva para um cliente, podemos afirmar que: C ada produto participará 1-N, significando que o elemento da entidade PRODUTOS não pode existir sem participar do relacionamento e poderá estar relacionado a muitos CLIENTES na venda. Cada produto participará 1-1, significando que o elemento da entidade PRODUTOS não pode existir sem participar do relacionamento e só poderá estar relacionado a um CLIENTES na venda. Cada produto participará 0-N, significando que o elemento da entidade PRODUTOS pode existir sem participar do relacionamento e poderá estar relacionado a vários CLIENTES na venda. Cada produto participará 0-1, significando que o elemento da entidade PRODUTOS pode existir sem participar do relacionamento e só poderá estar relacionado a um CLIENTES na venda. Cada produto participará 0-1, significando que o elemento da entidade PRODUTOS não pode existir sem participar do relacionamento e poderá não estar relacionado a um CLIENTES na venda.
Qual das propriedades abaixo denomina o número de tuplas de uma relação ? Cardinalidade. Grau. Ordenação de tuplas. Ordenação dos atributos. Duplicação de Tuplas.
Num sistema desenvolvido com a utilização de um SGBD, o procedimento de backup é responsabilidade: da aplicação do programador do DBA do analista do usuário.
Segundo a arquitetura de 3 esquemas de Banco de Dados: O Esquema Interno fornece caminhos físicos de acesso aos dados. O Esquema Conceitual descreve a estrutura do banco para um grupo de usuário. O Esquema Conceitual apresenta a descrição física dos dados e das ligações existentes entre eles. O Esquema Interno descreve a estrutura de armazenamento lógico dos dados do BD. O Esquema Externo possui a descrição de todo o banco de dados.
O modelo de dados utilizado pelos SGBD lideres de mercado como o Oracle e SQL server é o: Relacional Objeto Relacional Redes Orientado a Objetos Hierarquico.
Considere o modelo entidade relacionamento acima. Na transformação deste modelo conceitual em um modelo lógico relacional as cardinalidades do relacionamento entre as entidades exercem um papel fundamental. Dado que se deseja gerar um modelo relacional que atenda a 3FN pode-se afirmar que sempre darão origem a uma tabela para cada uma das entidades envolvidas os relacionamentos do tipo: (0,1)x (0,N) podendo não gerar uma tabela para o relacionamento (0,N)x (0,N) podendo ou não gerar uma tabela para o relacionamento (1,N)x (0,N) podendo ou não gerar uma tabela para o relacionamento (1,1)x (0,1) devendo gerar uma tabela para o relacionamento (0,1)x (0,N) devendo gerar uma tabela para o relacionamento.
Para o Diagrama Entidade-Relacionamento acima, a razão de cardinalidade M:N no relacionamento indica que um empregado tem que trabalhar no mínimo em N projetos e no máximo em M projetos. um empregado pode trabalhar em vários projetos. um empregado tem que trabalhar no mínimo em M projetos e no máximo em N projetos. a participação da entidade Empregado no relacionamento é total. a participação da entidade Empregado no relacionamento é parcial.
A figura ilustra a administração de recursos de dados. O estabelecimento e manutenção do dicionário de dados, o desenvolvimento e aplicação de políticas da propriedade e acesso aos dados e preparação dos planos estratégicos e técnicos para os bancos de dados são atividades a serem implementadas, respectivamente, nas seguintes etapas: Administração de Dados, Administração de Banco de Dados e Planejamento de Dados Administração de Dados, Planejamento de Dados e Administração de Banco de Dados Administração de Banco de Dados, Administração de Dados e Planejamento de Dados Administração de Banco de Dados, Planejamento de Dados e Administração de Dados Planejamento de Dados, Administração de Banco de Dados e Administração de Dados.
Sob a estrutura de um banco de dados está o modelo de dados: um conjunto de ferramentas usadas para a descrição dos dados, relacionamento entre os dados, semântica dos dados e regras de consistência. A esse respeito, analise as afirmativas: I. Uma base de dados hierárquica é similar ao modelo em rede, unindo os registros em uma estrutura de dados em forma de árvore. II. No modelo em rede, os dados são representados por um conjunto de objetos e as relações entre esses objetos são representados por links. III. Os modelos relacional, hierárquico e em rede são modelos de dados lógicos com base em objetos, usados na descrição dos dados no nível lógico e de visões. Está(ão) correta(s): somente as afirmativas II e III somente a afirmativa I somente as afirmativas I e III somente a afirmativa II somente as afirmativas I e II.
A arquitetura ANSI/SPARC para gerenciadores de bancos de dados divide-se em três níveis principais, que são: lógico, interno, físico lógico, conceitual, visão; estruturas, dados, índices; conceitual, externo, interno; conceitual, lógico, visão;.
No contexto do projeto de banco de dados podemos afirmar que o modelo logico é: Gerado a partir dos requisitos de informação. Composto por comandos de SQL. Composto por um diagrama de classes ou DER. Um modelo semântico de dados. Dependente do SGBD utilizado.
Considere as seguintes afirmativas a respeito do Modelo 3 Camadas: I - A logica do negocio é desenvolvida no cliente II - A camada de apresentação é constituída pela GUI (Graphical User Interface) III - O SGBD fornece suporte a camada de dados Está(ão) correta(s) a(s) afirmativa(s): Apenas II I e III Apenas III I e II II e III.
No contexto do projeto de banco de dados podemos afirmar que no DER a associação de objetos do mundo real é representado como: Entidade Tipo Atributo Agregação Relacionamento Tipo Entidade.
A afirmação: "um empregado trabalha em um e apenas um departamento e em um departamento trabalham nenhum ou vários empregados", mostra que as cardinalidades de empregado para departamento e de departamento para empregado são respectivamente: (0,N) e (0,1) (1,1) e (0,N) (0,N) e (1,1) (1,1) e (1,N) (0,1) e (1,N).
Sobre o Modelo Relacional é correto afirmar: É um modelo conceitual de banco de dados proposto por Codd em 1970 através do qual é possível representar as entidades e os relacionamentos de um sistema de informações. É um modelo de implementação de banco de dados em que os dados são armazenados em tabelas, sendo que as linhas representam fatos armazenados e as colunas representam os atributos da tabela. Descreve uma relação ou tabela do banco de dados como um conjunto de tuplas, sendo que uma ou mais tuplas formam a chave primária. É um modelo de implementação de banco de dados que representa o banco de dados como uma coleção de nodos conectados a partir de um nodo raiz. Em uma relação ou tabela no modelo relacional é obrigatória a existência de chave primária e de chave estrangeira, enquanto que chaves candidatas são opcionais.
Suponha que todos os atributos de uma relação R contenham apenas valores atômicos. É possível afirmar, com certeza e mais especificamente, que R está na forma normal: 4FN 5FN 3FN 2FN 1FN.
Considere as afirmativas abaixo: I - Através da especialização é possível atribuir propriedades particulares a um subconjunto das ocorrências de uma entidade genérica. II - Para que seja possível modelar um relacionamento entre uma entidade A e um agrupamento de duas entidades B e C que tem entre elas um relacionamento R já existente, é necessário realizar uma agregação de B e C e relacionar a entidade A com a agregação. III - Os relacionamentos somente podem conter atributos próprios se forem identificadores. Esta(ão) correta(s) a(s) afirmativa(s): Somente a afirmativa III I e III I, II e III Somente a afirmativa II I e II.
Com relação a Chaves e índices de Banco de Dados: 1 ) Chave designa o conceito de item de busca, ou seja , um dado que será empregado na consulta à base de dados. É um conceito lógico da aplicação; 2 ) Índice e um recurso físico visando otimizar a recuperação de uma informação, via um método de acesso. Seu objetivo principal está relacionado com a performance do sistema. 3 ) Uma chave pode ser utilizada como índice , mas um índice não e necessariamente uma chave. 4) Podemos ter em um banco de dados quantos índices desejarmos, sem qualquer tipo de preocupação Escolha a alternativa correta: Todos os quatro itens estão corretos. Apenas os itens 1, 2 e 3 estão corretos. Apenas os ítens 2 e 3 estão corretos. Apenas os ítens 1 e 2 estão corretos. Apenas os itens 1 e 4 estão corretos.
A afirmação " um empregado é alocado a um ou vários projetos e um projeto possui alocados um ou vários empregados. Em um determinado projeto o empregado utiliza uma determinada máquina" seria convenientemente modelar como: Uma agregação entre empregado e máquina e relacionar a entidade projeto com a agregação. Uma agregação entre máquina e projeto e relacionar a entidade empregado com a agregação. Um relacionamento entre máquina e projeto, um relacionamento entre empregado e projeto e um relacionamento entre empregado e máquina. Um relacionamento entre máquina e projeto e outro relacionamento entre projeto e empregados. Uma agregação entre empregado e projeto e relacionar a entidade máquina com a agregação.
Quando o valor de um atributo A é obtido a partir de alguma operação (calculo) realizada sobre outro atributo B, o atributo A é classificado como: Único Derivado Identificador Composto Opcional.
Na modelagem de bancos de dados relacionais, há o conceito de especialização total. Sobre esse conceito, pode-se afirmar que cada entidade de nível superior precisa pertencer a um conjunto de entidades de nível inferior. nem todas as entidades de nível superior precisam pertencer a um conjunto de entidades de nível inferior. as entidades de nível inferior não são representadas nas tabelas do banco de dados. cada entidade de nível superior precisa pertencer a pelo menos dois conjuntos de entidades de nível inferior. as entidades de nível superior não são representadas nas tabelas do banco de dados.
Seja o seguinte modelo lógico (relacional) para um dado SGBD onde os atributos sublinhados indicam as chaves primárias de cada uma das respectivas tabelas: Departamento (código-departamento, sigla-departamento) Empregado (cpf, nome-empregado, sexo, código-departamento,valor-hora) Projeto (código-projeto, descrição-projeto, valor-projeto) Sabendo-se que um empregado pode participar de mais de um projeto em uma mesma data, se quiser modelar um quadro de horas que permita informar o número de horas de um empregado em um projeto, em um determinado período, devemos alterar o modelo da seguinte forma: Incluir os atributos cpf do empregado e numero-horas na tabela Projeto Incluir os atributos código-projeto e numero- horas-acumuladas no projeto, na tabela Empregado. Incluir a tabela Empregado_Projeto com atributos (cpf, código-projeto). Incluir a tabela Empregado_Projeto com atributos (cpf,código-projeto, numero_horas). Incluir a tabela Empregado_Projeto com atributos (cpf,código-projeto, data, numero-horas).
Considere as afirmativas abaixo: I - Através da especialização é possível atribuir propriedades particulares a um subconjunto das ocorrências de uma entidade genérica. II - Para que seja possível modelar um relacionamento entre uma entidade A e um agrupamento de duas entidades B e C que tem entre elas um relacionamento R já existente, é necessário realizar uma agregação de B e C e relacionar a entidade A com a agregação. III - Os relacionamentos somente podem conter atributos próprios se forem identificadores. Esta(ão) correta(s) a(s) afirmativa(s): I e III I, II e III Somente a afirmativa II I e II Somente a afirmativa III.
Sejam as seguintes afirmações sobre o modelo entidade-relacionamento utilizado em bancos de dados: I. Um relacionamento, em um diagrama entidade-relacionamento, não pode ter atributos. II. Uma entidade fraca não tem atributos suficientes para formar uma chave primária. III. Em um diagrama entidade-relacionamento, os retângulos representam conjuntos de atributos. Sobre as afirmações, pode-se dizer que I, II e III são corretas. apenas II é correta. apenas I e III são corretas apenas II e III são corretas apenas I e II são corretas.
corresponde ao resultado de sua análise. I - Os bancos de dados representam um repositório de dados, cujas definições são denominadas por metadados. II - O conceito chamado de abstração de dados refere-se ao processo que se dá pelos programas a ter que solicitar os dados para o SGBD. III - Os bancos de dados não permitem acesso simultâneo para que não aconteça uma inconsistência dos dados. Cada usuário deverá acessar um dado exclusivamente, independente se para leitura ou gravação. Estão corretas as sentenças II e III. Estão corretas as sentenças I e III. Estão corretas as sentenças I, II e III. Está correta somente a sentença I. Estão corretas as sentenças I e II.
O nível de arquitetura de um banco de dados que contém a representação e organização física dos dados nos dispositivos de armazenamento é o: datafiles externo conceitual interno modelo de entidades.
O conceito de dependência funcional é essencial para o entendimento do processo de: Indexação Normalização Relacionamento Encapsulamento Abstração.
Considerando os conceitos de dependência funcional e normalização (obs: chaves primárias estão em negrito e chaves estrangeiras sublinhadas) e observando a tabela Trabalha é correto afimar que: Trabalha (pessoa_nome, empresa_nome, empresa_cidade, empresa_rua, pessoa_salário, (nome_dependente)*) - Atributo multivalorado = nome_dependente Na tabela Trabalha o atributo empresa_cidade possui dependência funcional parcial em relação à chave primária, e por isso a tabela precisa ser convertida para a segunda forma normal, em que o objetivo é atingir a dependência funcional total; Na tabela Trabalha o atributo pessoa_salário possui dependência transitiva em relação ao atributo pessoa_nome, pertencente à chave primária, e por isso a tabela precisa ser convertida para a segunda forma normal. A tabela Trabalha tem problemas de redundância e anomalias de atualização, e está na primeira forma normal (1FN). Quando convertido para a segunda forma normal (2FN) o esquema consiste de Trabalha (pessoa_nome, empresa_nome) Empresa (empresa_nome, empresa_cidade, empresa_rua) Pessoa (pessoa_nome, pessoa_salário, nome_dependente) A tabela precisa ser convertida até a 5ª Forma Normal, para retirar dependências de junção, resultando no esquema a seguir: Empresa (empresa_nome, empresa_cidade, empresa_rua) Pessoa (pessoa_nome, empresa_nome, pessoa_salário, nome_dependente) O esquema em 1FN (primeira forma normal) consiste de Trabalha (pessoa_nome, empresa_nome) Localizado (empresa_nome, empresa_cidade, empresa_rua, nome_dependente) Ganha (pessoa_nome, pessoa_salário).
O Diagrama Entidade-Relacionamento, proposto por P. Chen, é uma ferramenta tipicamente utilizada para a elaboração do seguinte modelo de dados: interno externo físico conceitual hierárquico.
Um atributo para ser identificador dever ser classificado como: Composto e Obrigatório Não único e simples Único e opcional Único e Obrigatório Composto e monovalorado.
A Modelagem conceitual e lógica de dados é um conjunto de definições que descrevem a estrutura de um banco de dados que reflete situações do mundo real, como tipo de dados, relacionamentos e restrições sobre esses dados. Assinale a alternativa que contém conceitos presentes em um modelo de dados de alto nível. Entidades, relacionamentos e atributos. Pastas,arquivos e permissões. Registro, tupla e caminho de acesso. Esquemas, instâncias e Objetos. Classes, objeto e herança.
Em relação ao modelo lógico, a regra de integridade que define : As chaves estrangeiras tem que ser respeitadas, ou seja, se existe um determinado valor para o atributo na tabela onde ele é chave estrangeira este valor deve existir na tabela onde ele é chave primária.. Esta regra pertence a: Integridade Referencial Integridade de Chave Primária Integridade de Entidade Integridade de Chave Candidata Integridade de Restrição Semântica.
Durante a transformação de um modelo conceitual em modelo lógico, entre as entidades A e B cujo o relacionamento é de N:N. Quantas tabelas teremos no modelo lógico Três tabelas, onde a chave primária da entidade A e B terão todos os seus atributos migradas para uma tabela C. Duas tabelas, onde a chave primária da entidade A será a chave estrangeira da entidade B. Duas tabelas, onde a chave primária da entidade B será a chave estrangeira da entidade A. Três tabelas, onde a chave primária da entidade A e B terão suas chaves migradas para uma tabela C. Uma tabela composta pelos atributos da entidade A e Chave Primária de B.
Durante a transformação de um modelo conceitual em modelo lógico, entre duas entidades cujo o relacionamento é de 1:N. As relações deste evento são : FABRICA (nome, CNPJ) e LOJA(CNPJ_LOJA, razão_social, End, nome). Os atributos chaves de cada uma das relações são CNPJ e CNPJ_LOJA. Qual das duas chaves irá se tornar a chave estrangeira da relação e para qual relação irá migrar? CNPJ da relação FABRICA migra para a relação LOJA. CNPJ_LOJA da relação LOJA migra para a relação FABRICA. Nenhuma das Relações Migram seus atributos chaves entre si. Ambas as Relações migram seus atributos chaves entre si. é Gerada um nova Relação FABRICA_LOJA com os atributos chaves de FABRICA e LOJA.
Para as questões seguintes considere os atributos sublinhados como a chave primária de cada relação R. Sabendo-se que todos os atributos são atômicos assinale as alternativas que estão na 3NF: 1. R(A, B, C), e as dependências funcionais A -> B e A -> C 2. R(A, B, C), e a dependência funcional A -> C 3. R(A, B, C, D) e as dependências funcionais A -> B e A -> C 4. R(A, B, C, D) e a dependência funcional AB -> C e AB -> D 5. R(A, B, C), e as dependências funcionais A -> B e B -> C 1, 4 1, 3 4, 5 2, 3 3, 4.
A afirmação " Um cinema possui uma ou varias sessões e uma sessão é de apenas um cinema. Cada sessão é de um e apenas um filme e um filme é exibido em varias sessões" seria convenientemente modelada como: Uma agregação entre sessão e filme e relacionar a entidade cinema com a agregação. Um relacionamento entre sessão e filme e outro relacionamento entre cinema e sessão. Um relacionamento entre cinema e filme, um relacionamento entre sessão e filme e um relacionamento entre sessão e cinema. Uma agregação entre filme e cinema a relacionar a sessão com a agregação. Uma agregação entre cinema e sessão e relacionar a entidade filme com a agregação.
Considere as afirmações abaixo a respeito das características de um banco de dados: I - A Independência de Dados possibilita o desenvolvimento de programas aplicativos que não possuem a descrição real de como os dados (arquivos) estão fisicamente armazenados. II - A capacidade de se alterar o esquema físico de um banco sem que seja necessário alterar o esquema conceitual caracteriza a independência lógica de dados. III- O Mecanismo de Recuperação fornece recursos para restauração caso ocorra falhas de hardware ou software. IV - O Compartilhamento de Dados permite que se realize o controle de quais dados um usuário pode acessar. Podemos afirmar que estão corretas as afirmativas: III e IV I e VI I e III I e II II e IV.
Define-se Entidade de Dados como um conjunto de objetos que existe no mundo real, tem identificação própria e no contexto do negócio entende-se que é preciso ter muitos objetos participando. Conhecendo a definição, identifique dentre as entidades de dados representadas no mini mundo a seguir, a entidade de dados que deverá ter o relacionamento com o CLIENTE. Mini Mundo Diariamente o estacionamento Próspero recebe vários clientes para aluguel de suas vagas e possui uma rotina destinada ao bom atendimento. O veículo é identificado (Placa, Cor e modelo) e registrado pelo atendente, que emite um comprovante e cadastra o cliente, que for recebido pela 1ª vez. Todas as vagas são cadastradas com sua devida localização e situação e, são distribuídas automaticamente a cada cliente. A locação da vaga registra Data e Hora de Entrada, Data e Hora de Saída. A liberação é efetivada a partir da solicitação do cliente, que entrega o seu comprovante de locação, realiza o pagamento e recebe uma autorização de saída. O manobrista retira o carro da vaga e entrega-o ao cliente. VAGA LOCAÇÃO MANOBRISTA VEICULO ATENDENTE.
Qual dos tipos chaves abaixo, possui as característica de uma SUPER CHAVE só que não foi escolhida para ser uma chave primária de uma determinada tabela ou relação. Chave Candidata. Super chave. Chave Estrangeira. Chave Secundária. Chave Primária.
Considerando os conceitos de derivação de modelos, quando nos deparamos com uma representação de Generalização/Especialização, podemos afirmar que: Sempre serão criadas 3 tabelas no banco de dados. Uma com os dados comuns e as duas outras com seus atributos particulares, acrescentada da chave primária. A regra é avaliar em função da freqüência do acesso, volume de informações e quantidade de atributos diferentes e, a partir daí definir a quantidade de tabelas resultante na derivação. A regra é sempre criar somente duas tabelas, uma para cada tipo. A representação de Generalização e especialização é para indicar que possuem atributos comuns, somente. Sempre será criada uma única tabela no banco de dados. A representação de Generalização e especialização é utilizada somente para facilitar a visualização enquanto Modelo Conceitual. A regra é criar a tabela que estiver prevendo maior número de informações e uma outra representando os demais tipos.
Um Administrador de banco de dados, criou um modelo de entidade e relacionamento com X entidades, sendo que cada entidade possui 2 relacionamentos 1:N com outras entidades qualquer, sendo predominante neste modelo somente este tipo de relacionamento. Usando os conceitos de mapeamento entre modelo ER e o modelo relacional, quantas tabelas serão criadas para este banco de dados relacional em questão? X * 2 X / 2 X + (X/2) X/2(X*3/4) X.
Assinale a segunda coluna de acordo com a primeira. A - Atributo B - Chave de identificação C - Dominio ( ) Conjunto de valores passíveis de serem assumidos por um determinado atributo. ( ) Caracteriza uma determinada propriedade. ( ) Um atributo ou conjunto de atributos cujos valores individualizam cada entidade em uma determinada classe. C, A, B B, A, C A, B, C A, C, B C. B, A.
Considerando a arquitetura de 3 esquema para banco de dados podemos afirmar que: O Administrador de Banco de Dados utiliza o Esquema Conceitual para realizar as suas tarefas. Os Gerentes de uma empresa visualizam seus dados a partir do Esquema Externo O Administrador de Dados utiliza o Esquema Interno para gerenciar o banco de dados Os programadores de aplicações utilizam o Esquema Externo para realizar o seu trabalho O Projetista de Banco de Dados gera o Esquema Interno a partir de modelos de alto nível.
Se desejássemos representar a existência de funcionários com vários cargos que alteração deveríamos fazer no modelo? Alterar a cardinalidade do lado da entidade FUNCIONÁRIO para (N,1) Alterar a cardinalidade do lado da entidade FUNCIONÁRIO para (1,N) Alterar a cardinalidade do lado da entidade CARGO para (N,1) Alterar a cardinalidade do lado da entidade CARGO para (1,N).
Com base no modelo acima, um mapeamento para o modelo lógico está corretamente representado em: ARTIGO (RESUMO) ARTIGO (CODIGO_TRABALHO, RESUMO) MINI-CURSO (DURAÇÃO, JUSTIFICATIVA) PALESTRA (TITULO, OBJETIVO).
Representa sobrecusto vinculado ao overhead de processamento em um ambiente de banco de dados: I. Garantia da segurança dos dados II. Controle de concorrência III. Garantia de integridade dos dados I, II I, III I, II, III II, III.
Assinale a alternativa CORRETA: I. Redundância de dados é armazenar o mesmo dado várias vezes para atender diversas aplicações. II. Para manter a consistência do banco de dados, deve-se armazenar o dado em vários lugares no banco de dados. III. Em alguns casos, a redundância é necessária, porém ela deve ser controlada pelo sistema de gerenciamento de banco de dados. IV. São problemas da redundância de dados: duplicação de esforço para manter os dados atualizados, desperdício de espaço de armazenamento, possibilidade de inconsistência dos dados. I, III, IV I, II, III II, III. I, III.
I. Define-se entidade aquele objeto que existe no mundo real, com identificação distinta e com um significado próprio. II. Entidades são as “coisas” que existem no negócio, ou ainda, descrevem o negócio em si. III. A representação de uma entidade no Modelo Entidade Relacionamento (MER) é feita através de um retângulo, com o nome da entidade em seu interior. IV. Todo objeto para ser uma entidade possui propriedades que são descritas por atributos e valores. Estão CORRETAS as afirmações: I,II I, II, III, IV I, III,IV II, III.
De acordo com o Modelo Entidade Relacionamento acima: Existem clientes sem cartão de crédito Existem cartões de crédito sem cliente Cartões de crédito são de vários clientes Todo cliente possui pelo menos um cartão de crédito.
São benefícios do uso de SGBDs: I. Potencial para o estabelecimento e o cumprimento de padrões II. Flexibilidade de mudanças III. Redução no tempo de desenvolvimento de novas aplicações IV.Economia de escala I, II, III II, III I, II, III, IV I, III, IV.
São definições válidas para banco de dados: I. um banco de dados é uma coleção lógica coerente de dados com um significado inerente; uma disposição desordenada de dados não pode ser referenciada como um banco de dados; II. um banco de dados é projetado, construído e populado com dados para um propósito específico; III. um banco de dados possui um conjunto indefinido de usuários e aplicações; IV. um banco de dados representa algum aspecto do mundo real, o qual é chamado de “mini-mundo” e qualquer alteração efetuada neste mini-mundo é automaticamente refletida no banco de dados. II, III, IV Todas as definições. I, II, III I, II, IV.
Report abuse Terms of use
We use cookies to personalize your experience. If you continue browsing you will be accepting its use. More information.